Fundação Cidade das Artes

Memoria

Memória

A Fundação Cidade das Artes é um espaço concebido para abrigar múltiplas atividades artísticas, como exposições, apresentações de dança, teatro e música. Este complexo cultural também é utilizado para palestras, oficinas, congressos, conversas com autores, lançamentos de livros e outras atividades de formação cultural e artística.

Os eventos que ocorrem neste espaço são filmados e fotografados para que todos os interessados possam ter acesso, através deste site, ao histórico de programação da Cidade das Artes e os programas das peças podem ser pesquisados na Sala de Leitura, local onde serão preservados todos os materiais impressos relacionados à programação.

Eventos Passados

Projeto Interlocuções: Psicanálise e Literatura | Palestra 18/08 Arte e Educação Interlocuções | Psicanálise e Literatura  Há quatro anos a psicanalista Gilda Pitombo Mesquita, desenvolve o projeto “Interlocuções: Psicanálise e Literatura”, dentro da Cidade das Artes com a finalidade de dialogar com os outros saberes e transmitir a Psicanálise para quem desejar. Em 2015 estudamos Shakespeare - Hamlet, em 2016 trabalhamos a questão do Estranho no Homem da Areia de Hoffman e posteriormente Marguerite Duras com o livro "Deslumbramento de Lol V Stein" para aprofundarmos o estudo em direção à estrutura psicótica. Ao longo de 2017 reiniciamos o projeto estudando James Joyce, "Um retrato do artista quando jovem". Em 2018, o tema que está sendo abordado pelo grupo é: Colóquios sobre A Divina Comédia, de Dante Alighieri |“Deixai toda esperança, vós que entrais” (esta inscrição está na porta do Inferno).   SOBRE O TEMA “Considerações Psicanalíticas sobre a inspiração no processo criativo” é o tema da palestra do psicanalista Jeremias Ferraz que se propõe a abordar o conceito da inspiração no contexto do desenvolvimento artístico e terá o museólogo e artista visual Victor Arruda como comentador.     Para Jeremias Ferraz, poucas vezes o tema foi abordado por psicanalistas de forma sistemática. O conceito de inspiração está relacionado à Pulsão que foi objeto do livro “Pulsão e Libido”, publicado em 2000 pelo psicanalista. Desde então, Ferraz se dedica a tratar o assunto em artigos, cursos e conferências. A reunião científica servirá para oferecer uma abordagem específica para a questão.    “Em princípio, procuro diferenciar dos conceitos de dom e de talento e estabelecer uma relação da inspiração com o conceito psicanalítico de sublimação, que é entendido como a condição fundamental para a criatividade. Em seguida, procuro relacionar a inspiração com conceitos consagrados da técnica psicanalítica e com os mecanismos do sonho conforme foi estabelecido pela psicanálise”, diz Jeremias Ferraz.    Para se aproximar do tema, o psicanalista faz referência a depoimentos de artistas como Camões, Picasso, Chico Buarque, Aldir Blanc, João Cabral de Melo Neto, Manuel de Barros e outros. Além disso, aborda as relações da inspiração com a religião. “Finalmente, de posse destes elementos, estabeleço algumas características da inspiração: é necessária uma mente disponível; é algo que ‘entra’ na mente; é repentina; é imprevisível; produz uma satisfação; guarda uma relação com a religião; é a tradução latina para ‘entusiasmo’”.   SOBRE Jeremias Ferraz Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Juiz de Fora(1970), especialização em Psiquiatria pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1971) e doutorado em Psiquiatria e Saúde Mental pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1995). Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Professor da Sociedade de Psicanálise da Cidade do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Medicina, com ênfase em Psiquiatria. Atuando principalmente nos seguintes temas: Grafitos, Moeda, Dinheiro, Psicanálise.   SOBRE Victor Arruda      Artista Plástico, hoje está exibindo no MUSEU DE ARTE MODERNA do RIO, até 30 de Setembro, uma RETROSPECTIVA  de seus trabalhos, com mais de cem obras, abrangendo o período que vai do começo da década de 70 a 2018. O jornal O Globo  e a revista Veja-Rio selecionaram esta exposição como uma das melhores de 2018, até agora. O artista tem realizado muitas exposições individuais e participado de importantes mostras coletivas em galerias e museus do Brasil e do exterior. Septuagenário, continua em plena produção e contente da vida. Foto: Carla Marins   [+] saiba mais Aleitamento Materno | Agosto Dourado 18/08 Arte e Educação Aproveitando a Semana Mundial de Aleitamento Materno e o Agosto Dourado, a Fonoaudióloga e Consultora em amamentação Danielly Felix Rodrigues ministrará uma roda de conversa sobre aleitamento materno com gestantes, lactantes e interessados no tema. Com ela, estará a Pediatra e especialista em nutrição materno-infantil Patrícia Cruz de Carvalho.   Não há mais dúvidas sobre os benefícios fisiológicos, psicológicos e socioeconômicos da prática do aleitamento materno para díade mãe/bebê. Sabe-se que a amamentação é a estratégia de maior impacto capaz de salvar a vida de crianças menores de cinco anos em todo o mundo por causas com prevenção. O estímulo da amamentação exclusiva salva nada menos que seis milhões de crianças por ano.    Para disseminar essas informações e dar visibilidade ao tema, a Aliança Mundial para Ação em Amamentação lançou a Semana Mundial de Aleitamento Materno (SMAM), primeira semana de agosto, que traz o tema “Amamentação é a Base da Vida” para este ano. Como um desdobramento do Outubro Rosa e o Novembro Azul, campanhas que visam, respectivamente, a prevenção do câncer de mama e de próstata e que já possuem ampla visibilidade comercial e publicitária, surgiu o Agosto Dourado. Juntamente com a SMAM, instituiu-se o mês todo para divulgação e incentivo do aleitamento materno.   Temas a serem abordados pelas profissionais:     Importância do Aleitamento Materno • Preparo das mamas para lactação; • Pega correta X Problemas pega incorreta; • Aleitamento materno X Fórmula Infantil; • Desmistificando o Aleitamento Materno; • Ganho de peso do lactente; • Sucção Nutritiva X Não Nutritiva; • Dicas para o sucesso na amamentação.          Performace artistica:  As crianças serão muito bem-vindas e terão uma atividade de musicalização infantil especialmente pensada para elas.  O projeto Pingo de Graça traz uma mistura da arte do palhaço, contação de histórias e jogos musicais com o DUO BRUNO JOVITA E MIRI XAVIER.                 Convidadas:      Danielly Felix Rodrigues Danielly Felix Rodrigues é Fonoaudióloga, Consultora de amamentação e autora do Blog Mãe de Três RJ. Danielly criou o blog para compartilhar informações da sua área de formação e experiências maternas com outras mães, gestantes e interessados no universo materno-infantil. O compartilhamento do conhecimento profissional como Fonoaudióloga junto à experiência de ser mãe de três crianças, leva os leitores a entenderem que cada bebê se integra ao mundo de maneira diferente e cada criança tem características diferentes nas fases do seu desenvolvimento e como lidar com isso.           Patrícia Cruz de Carvalho  "Primeira formação como fonoaudióloga onde conheceu Daniely. Então, cursou medicina, especializando-se em pediatria em prestigiada instituição de residência Carioca. Além de pós graduada em Emergência Pediátrica pelo Hospital Albert Eistein/SP, atualmente, especializa-se em Nutrição Materno Infantil/SP! Sempre, capacitando-se com o olhar voltado a prevenção e qualidade de vida das crianças."               Realização:     Parceria:   Inscrições:  https://goo.gl/forms/j7Edgq4lkcvWbZ1I2   Instagram: @blogmaedetresrj @pingodegraca      [+] saiba mais 24° Rio International Cello Encounter | Entrada Franca 18/08 Música Rio Cello chega a sua 24ª edição, com espetáculos gratuitos nos principais espaços culturais da cidade   Maior festival de música do país acontece, no Rio e em Niterói, de 7 a 20 de agosto, com atrações também em Volta Redonda, Cabo Frio e Florianópolis   A partir do dia 7 de agosto, terça-feira, a cidade do Rio de Janeiro voltará a ser sede do Rio International Cello Encounter, que chega a sua 24ª edição apostando na multiplicação das linguagens do violoncelo, reinventando usos e formas de sua aplicação para além do repertório de câmara. O festival internacional, que há mais de duas décadas promove concertos de expoentes nacionais e internacionais da música, dança e artes visuais, vai promover, até o dia 20 de agosto, atrações gratuitas em importantes palcos culturais da cidade e também em outras localidades, como Niterói, Volta Redonda, Cabo Frio e Florianópolis. Teatros, centros culturais, igrejas, museus e parques são os palcos preferencias do Rio Cello. Idealizado e capitaneado pelo violoncelista inglês David Chew, desde a sua primeira edição, em 1994, o Rio Cello traz em sua programação, além de concertos, espetáculos de dança, exposições de arte, masterclasses e workshops.  Quase tudo inteiramente gratuito.     Neste ano, o festival vai receber o violoncelista alemão Marnix Mohring e a brasileira Kely Pinheiro, nascida na Comunidade da Grota, em Niterói, e em campanha de arrecadação para os custeios de sua bolsa de estudos para estudar música em Berklee, Boston. Outras grandes atrações darão o tom do festival, como a apresentação do Rice Cello Ensemble, da London Music Club Piano Quartet, do Blas Rivera Quarteto, Orquestra de Violoncelos e Contrabaixos de Volta Redonda, Quarteto Ad Libitum, da Colômbia, dentre muitos outros.     O Cello Dance, em sua 12ª edição, vai receber o projeto Frequência Modulada, reunindo, no Museu do Amanhã, dia 12 de agosto, domingo, o violoncelista Yaniel Matos, o DJ Muralha e os bailarinos Danilo D’Alma e Pâmela Sobral, em performances de dança contemporânea e street dance com elementos eletrônicos e cello.     Radicado e apaixonado pelo Brasil há 35 anos, David Chew está comemorando seus 50 anos de carreira firme no seu propósito de popularização da música clássica e homenageando o maestro Villa-Lobos, sua maior inspiração. “Nossa intenção é levar o poder de transformação social da música a espaços públicos e comunidades. No início, era um encontro de violoncelistas, mas o projeto cresceu e hoje recebe diversos instrumentos e múltiplas linguagens artísticas. Desta forma o festival alcança seu principal objetivo que é incluir a música na vida diária de todas as pessoas”, declara o músico.     Em 24 anos o festival bateu todos os recordes de público em eventos de música clássica no Brasil. Os números são impressionantes: 550 mil espectadores, 12 mil músicos, 900 concertos, 650 horas de workshops e masterclasses. Ao longo de sua extensa trajetória o Rio Cello consolidou-se como uma grande plataforma multicultural no qual música, dança, poesia, artes plásticas e cinema que integram um evento de grande sofisticação artística e responsabilidade social.     PROGRAMAÇÃO NA CIDADE DAS ARTES  18 de Agosto  17h00 - Cidade das Artes Camerata Laranjeiras Marnix Mohring, cello Kely Pinheiro, cello   Repertório: G.Peixe / Folclore Escandinavo   **** PROGRAMAÇÃO GRATUITA **** * A entrada do público será por distribuição de senha e ordem de chegada. Realizada 1h antes do início do espetáculo. Chegue cedo! * Evento sujeito a lotação*   [+] saiba mais Seminário Educação Literária 18/08 Arte e Educação Idealização e Curadoria: Cintia Barreto   Ilustração do cartaz: Camilo Martins     Manhã   9h – Cadastramento e coffee break   9h30min – Abertura  - Cintia Barreto   10h - Educação Literária – Alessandro Rocha. Armando Gens, Georgina Martins e Rosa Gens   11h- Leitura de Imagem – Camilo Martins e Marília Pirillo, Thais Linhares e Chris Alhadeff   12h – Literatura, Mídia e Educação: Clarice Campos, Sidney Oliveira, Simone Monteiro, Simone Ricco.   13h às 14h30min - intervalo para almoço       Tarde   14h30min - A Construção do Texto Literário – Ieda de Oliveira   15h - Literatura e Formação do Brasil: Eliana Alves Cruz e Jorge Marques    15h30min – A Literatura para Jovens – Alex Gomes, Júlio Emílio Braz, Otávio Jr. e Rosa Amanda Strausz   16h30min – Mediação de Leitura: Eliza Moreno, João Pedro Fagerlande e Nivea Oura   17h15min - Contação de Histórias: Silvia Castro e Verônica Marcílio   18h – Encerramento   * Sorteio de livros * Sessão de autógrafos * Feira de livros * Contação de Histórias * Mesas Temáticas * Doações de livros para a Biblioteca Comunitária Maria Lopes (Coordenador: Dilson Lopes) – localizada em Manilha.   APOIO Editoras Bambolê, DCL, FTD, Malê, Paulinas, Paulus, Record, Instituto Oldemburg, Universidade Candido Mendes, Cátedra Unesco de Leitura da Puc-Rio, Instituto Interdisciplinar de Leitura PUC-Rio (IILER), Secretarias de Cultura do Municìpio e Estado do Rio de Janeiro, UERJ, UFRJ, Programa de Arte e Educação (Cidade Literária) – Fundação Cidade das Artes, Conversa Literária , Associação dos Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil (AEILIJ) e Libertas Instituto.   CONVIDADOS:  ALESSANDRO ROCHA ALEX GOMES ARMANDO GENS CAMILO MARTINS CHRIS ALHADEFF CLARICE CAMPOS ELIANA ALVES CRUZ ELIZA MORENO GEORGINA MARTINS IEDA DE OLIVEIRA JOÃO PEDRO FAGERLANDE JORGE MARQUES JÚLIO EMÍLIO BRAZ MARÍLIA PIRILLO NIVEA OURA OTÁVIO JR. ROSA AMANDA STRAUSZ ROSA GENS SIDNEY OLIVEIRA SILVIA CASTRO SIMONE MONTEIRO SIMONE RICCO THAIS LINHARES VERÕNICA MARCÍLIO       ENTRADA GRATUITA. [+] saiba mais Bolo de Banana com Castanha do Pará sem Glúten e sem Lactose 14/08 Projetos CDA Nessa terça-feira receberemos a cozinheira Cida Modesto para falar um pouco sobre a alimentação celíaca e ensinar a fazer um delicioso bolo de banana com castanha do pará sem glúten e lactose. Cida descobriu que era intolerante a glúten há nove anos, desde então vem fazendo cursos e se especializando nesse tipo de alimentação. Hoje, além de produzir para consumo próprio, vende seus diferenciados quitutes para fora. Venha participar dessa aula e descobrir que alimentação celíaca também é gostosa! [+] saiba mais Cordas Clássicas | Camerata de Violões | Gravação de DVD 12/08 Música   O grupo nasceu numa reunião de professores do Conservatório Brasileiro de Música em 1996, e ganhou espaço no cenário musical com vibrantes interpretações de um repertório brasileiro e universal de altíssima qualidade. Seu primeiro CD, lançado em 2001, recebeu referências elogiosas da crítica especializada nacional e internacional. Em diversas apresentações, a Camerata vem conquistando a admiração do público e de grandes músicos. O segundo CD obteve indicação ao GRAMMY 2009 na categoria melhor álbum instrumental. "Suítes do Brasil", o terceiro CD, foi lançado em 2016, quando completaram-se 20 anos de atividades ininterruptas. Neste novo projeto, o DVD "Cordas Clássicas", a Camerata de Violões, que em sua trajetória caracterizou-se por interpretar majoritariamente compositores brasileiros, visita a obra de compositores europeus, como Claude Debussy e Béla Bartók, e latino-americanos, como Alberto Ginastera e Leo Brouwer. Autores que se somam aos brasileiros Heitor Villa-Lobos, Lorenzo Fernandez, Henrique Oswald e Eduardo Gatto, integrante do grupo. Recriadas especialmente para a Camerata - atualmente um octeto de violões de 6, 7 e 8 cordas – estas oito obras de escrita ousada, compostas originalmente para orquestra sinfônica ou quarteto de cordas, ganham novas cores e possibilidades, que recompensam o imenso desafio técnico que sua adaptação e execução representam para o nosso instrumento. Vivendo uma nova fase, a Camerata de Violões agrega à sua trajetória o fundamental apoio e parceria do Centro de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET-RJ), instituição de excelência que possui um relevante histórico de serviços prestados à sociedade brasileira.   “uma gravação inspiradora, que todos os grupos deveriam se apressar em obter.” CLASSICAL GUITAR MAGAZINE – Londres   “...a Camerata exibiu trabalho interessantíssimo, acionando com flagrante resultado artístico oito violonistas” Carlos Dantas – TRIBUNA DA IMPRENSA   “...a propósito, o cd é um primor.”   Débora Ghivelder  – VEJA Rio   “Tivemos um encontro muito bonito aqui em casa. Um encontro de muita musicalidade, mas o que me impressionou na Camerata de Violões foi a família musical compondo. A turma que está com o Paulo, ela está no meio do começo e toca uma música muito linda”. Hermeto Pascoal.   “...a Camerata de Violões tem lugar assegurado no nosso cenário musical.”  TRIBUNA DA IMPRENSA     Integrantes: Artur Gouvêa, Marco Lima, Fabio Nin, Luciano Camara, Eduardo Gatto, Valmyr de Oliveira, Adriano Furtado, Rogério Borda   Foto: Monica Ramalho [+] saiba mais Quarteto Françaix | Temporada de Câmara 11/08 Música QUARTETO FRANÇAIX O Quarteto Françaix, em sua rara formação, tem por objetivo divulgar o repertório original para oboé e corne inglês com trio de cordas, suas possibilidades de adaptações e arranjos em diferentes estilos, além de estrear obras inéditas para essa formação. O grupo vem realizando concertos na cidade do Rio de Janeiro e região, em séries como a Temporada Sesi de Música Clássica, Quintas Musicais do Teatro Arthur Azevedo em Campo Grande (RJ), Centro de Artes UFF em Niterói e Quartas Instrumentais do BNDES. E pelo interior de São Paulo, através do Sesi-SP, realizou concertos em cidades como Franca, São José do Rio Preto, Piracicaba e Araraquara.   INTEGRANTES: Maria Fernanda Gonçalves, oboé e corne inglês Nikolay Sapoundjiev, violino Samuel Passos, viola Emilia Valova, violoncelo [+] saiba mais Oficina Biodanza Para Pais & Filhos 11/08 Arte e Educação Como a harmonia familiar pode influenciar positivamente o comportamento das crianças? Como estimular a concentração do meu filho? Como lidar com os conflitos? Como colocar limites com afeto? Como me comunicar adequadamente?   Se voce já se fez essas perguntas, essa vivência é para você!  Vamos refletir juntos sobre como equilibrar as necessidades dos adultos e das crianças no cotidiano familiar, fortalecendo uma comunicação afetiva e efetiva.   Essa vivência pedagógica foi estrutrada com base na metodologia da Educação Biocêntrica, Comunicação Não Violenta (Marshall Rosemberg) e nas abordagens da psicologia (Donald Winnicott e John Bowlby) para fortalecimento dos  laços afetivos na infância.   As crianças são bem-vindas! O espaço é lindo e especialmente preparado para elas aprenderem brincando, com contação de histórias, yoga para crianças, musicalidade infantil e outras atividades lúdicas. Ao final, crianças e adultos celebram juntos a construção de novas bases de comunicação afetiva.   Venha conhecer a Biodanza em Família e desfrute deste ambiente rico em trocas de experiência, repleto de alegria onde vivenciaremos novas possibilidades de crescer e florescer juntos! Em harmonia e bem-estar.       SOBRE A PALESTRANTE     Ana é professora titulada de Biodanza pela International Biocentric Foundation, registro RIOB 1709. Como facilitadora, tem como missão transformar o mundo em um local mais humano, mais fértil, criativo, solidário, possibilitando o amplo desenvolvimento das gerações futuras. Fazer este caminho através da matriz existencial, a família, é multiplicar exponencialmente os efeitos da Biodanza como fortalecimento dos vínculos existentes entre Pais&Filhos e também uma dádiva pessoal.   Convidada: Ana Repinaldo Inscrições: saladeleitura.fca@gmail.com ou 3325-0448 Vagas limitadas [+] saiba mais Comida, Diversão e Arte | Receita: Brigadeiro de caipirinha, Brigadeiro de vinho do Porto e Muffins de banana e blueberry 07/08 Projetos CDA A Chef confeiteira Mariana Chagas ministrará uma oficina de culinária onde ensinará os alunos a prepararem 3 receitas deliciosas: - Brigadeiro de Caipirinha; - Brigadeiro de vinho do Porto; - Muffins de banana e blueberry (mirtilos). Após o preparo das receitas, a Chef promoverá uma degustação.   NOSSA CONVIDADA Mariana Chagas é uma confeiteira brasileira de 24 anos apaixonada pela arte de fazer doces e tudo que ela incorpora. Formada em gastronomia pela Universidade Estácio de Sá, graduada na Escola de confeitaria Diego Lozano e no curso L'Art de la Patisserie por uma das mais reconhecidas escolas de confeitaria do mundo, The French Pastry School, em Chicago. Mariana estagiou em grandes restaurantes nos EUA e no Brasil; também participou de grandes eventos, em alguns como voluntária e em outros como confeiteira. A Chef voltou para o Brasil e trouxe consigo uma bagagem enorme de aprendizados e experiências, assim como a paixão por produtos artesanais e sem conservantes artificiais. Instagram: @marianachagasdoces [+] saiba mais Orquestra Petrobras Sinfônica | OPES - Pelo Rio 8 05/08 Música Orquestra Petrobras Sinfônica realiza concertos gratuitos com trilha sonora de clássicos como “Star Wars” e “Homem Aranha” Os inconfundíveis temas de filmes clássicos como “Star Wars” e “Homem Aranha” estão no programa do concerto gratuito que a Orquestra Petrobras Sinfônica fará no dia 5 (domingo, às 11h), na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca. O repertório também conta com músicas de “As grandes aventuras de Pee-Wee”, o primeiro longa-metragem dirigido por Tim Burton, “O Mundo de Walt Disney” (Vários autores), “Cinema Paradiso” (Enio Morricone), “Jurassic Park Medley” (John Williams) e a abertura de “Candide”, de Leonard Bernstein, em homenagem ao centenário do nascimento do compositor norte-americano. PROGRAMAÇÃO REGENTE Antônio José Augusto VÁRIOS AUTORES O Mundo de Walt Disney ENNIO MORRICONE Cinema Paradiso LEONARD BERNSTEIN Candide - Abertura DANNY ELFMAN As grandes aventuras de Pee-Wee - Créditos de Abertura -  Máquina de Café da Manhã -  Sonho de Palhaço -  Shopping Center PAUL FRANCIS WEBSTER - ROBERT HARRIS Homem Aranha JOHN WILLIAMS Jurassic Park Medley JOHN WILLIAMS Star Wars - Cantina Band - Sala do Trono | Créditos Finais Sobre a Orquestra Petrobras Sinfônica Aos 46 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres, a orquestra conta com uma formação de mais de 80 instrumentistas e tem como Diretor Artístico e Regente Titular o maestro Isaac Karabtchevsky, o mais respeitado regente brasileiro e um nome consagrado no panorama internacional.  Modelo de gestão: A Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro, entidade que administra a orquestra, possui uma proposta administrativa inovadora, sendo a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos. Sobre a PETROBRAS: A Petrobras completa 31 anos de patrocínio da Orquestra Petrobras Sinfônica em 2018. Através do Petrobras Cultural, a companhia busca contribuir para o fortalecimento das oportunidades de criação, produção, difusão e fruição da cultura brasileira, para a ampliação do acesso dos cidadãos aos bens culturais e para a formação de novas plateias. Esta parceria é essencial para manter a Orquestra Petrobras Sinfônica entre os principais conjuntos da América Latina, sempre desenvolvendo um importante trabalho de democratização da música clássica e de renovação do público do gênero. Outros apoios e patrocínios: A Petrobras Sinfônica conta ainda com os apoios culturais de: UCI, Consulado da Argentina, Windsor Hotéis, Rádio MEC FM e JLT Brasil.   Informações para a imprensa: MNiemeyer Assessoria de Comunicação http://www.mniemeyer.com.br Tatiana Carvalho - tatiana@mniemeyer.com.br (21) 2178-2112 / (21) 99192-7239     PROGRAMAÇÃO GRATUITA [+] saiba mais Oficina de Arte | Modelo vivo e gravura 04/08 Arte e Educação A Casa Benet Domingo em parceria com a Fundação Cidade da Artes oferece a Oficina de Observação de desenho de Modelo Vivo e impressão com Barro/Gravura. A partir do material primordial que é o barro, estendido em bandejas recicláveis de isopor, gravaremos com palitos reutilizados o desenho de observação do Modelo Vivo reproduzindo a imagem no tecido. Como resultado final teremos a exibição das placas entintadas “matrizes” e os tecidos pendurados em cabides que serão expostos para visitação do público na Sala de Leitura. ++ Atividade é gratuita e voltada para toda família! ++ Materiais: Contamos com a ajuda dos participantes para trazerem os materiais recicláveis, como: esponja de cozinha, palito de churrasco, bandeja de isopor, corpo de caneta, garrafa lisa sem detalhes no seu corpo, camiseta branca de algodão, pregador de roupa. Sobre a oficina: Ao longo de 3 anos, a Oficina de Modelo Vivo e Gravura vem ganhando maturidade e agregando alunos de diferentes países, com diferentes técnicas. Podemos dizer que nossa oficina deixou de ser somente uma Oficina de Modelo Vivo e Gravura e passou a ser uma Oficina de Arte e Criação. Temos como objetivo principal desenvolver a criatividade, ampliar o conhecimento pessoal através da Arte, e capacitar o aluno em várias técnicas das artes plásticas, muitas dessas técnicas são utilizadas no trabalho cotidiano da artista plástica Pilar Domingo. Informações: www.casabenetdomingo.com / cursos@casabenetdomingo.com Professoras: Pilar Benet Domingo, artista visual e empreendedora, têm carreira internacional com exposições na Espanha, Itália, França, Estados Unidos, Cuba, República Tcheca, Portugal e Brasil. Seu trabalho explora simbologia, natureza e arqueologia, uma artista múltipla que mescla diversas linguagens e tecnologias explorando sempre o contato com a matéria prima e reaproveitamento de materiais. Formada em gravura e pintura pela UFRJ, atua como professora desde os anos 80. Após a conclusão do seu doutorado em História da Arte na Universidade Complutense de Madrid retornou ao Rio de Janeiro e em 2008 junto a sua família abriu a Casa Benet Domingo, que neste ano celebra uma década de existência. Sandra Martins de Souza, mestre em Artes Visuais pela Escola de Belas Artes. Participou durante alguns anos de ensino e pesquisa em Cerâmica, no Colégio de Aplicação da UFRJ. Desenvolve escrita poética e processos criativos em oficinas e eventos da Casa Benet Domingo. Em Dezembro de 2017 no curso de gravura da Casa Benet Domingo ministrou a oficina de barrogravura, técnica desenvolvida pela artista plástica Cristina Felício. Wana de Souza Cruz, formada em artes cênicas pelo o Curso de Formação de Atores da UFF, desenvolve há (03) três anos junto da artista plástica Pilar Domingo, o estudo de observação da estética do corpo através do desenho, na Oficina de Modelo Vivo, na Casa Benet Domingo. Seus últimos trabalhos como atriz foram: Santo Forte, série de ficção dramática com direção de João Machado e Roberto d’Ávila, exibida no canal da AXN. Maresias, longa metragem com direção de Marcos Gutmann e estreia no Première Mundial no Festival Internacional de Cinema de Montreal. Jardins Portáteis uma peça happening, com dramaturgia e direção da Cristina Flores, na Sede das Cias.Wana de Souza Cruz. Inscrições: saladeleitura.fca@gmail.com ou 3325-0448 [+] saiba mais Comida, Diversão & Arte | Receita: Preparo do coração de bananeira. 31/07 Projetos CDA Mais uma vez o grupo Horta das Artes convida a todos para um experiência sensorial em nossa horta nos jardins da Cidade das Artes.   Desta vez nossos parceiros irão fazer uma receita muito interessante proveniente da nossa horta, especialmente com o coração de bananeira. A flor da banana, conhecida como umbigo ou coração, por causa do formato, faz parte de um conjunto da bananeira, formado pelos frutos e a flor. Normalmente, ela é jogada fora, mas o que pouca gente sabe, é que essa iguaria também pode ser reaproveitada na culinária de forma benéfica para a saúde.     Realizaremos o preparo de uma destas receitas no espaço de nossa horta iniciando o encontro com um reconhecimento das espécies, e aprendendo um pouco mais sobre seus valores alimentícios, finalizando com o preparo da receita e degustação, tudo isso em um ambiente ecologicamente correto, e num jardim comunitário que pode ser considerado hoje um dos mais belos da cidade do Rio de Janeiro.    Venham participar desta atividade interativa na Cidade das Artes, aprendendo um pouco mais sobre alimentação saudável e degustando alguns dos sabores mais curiosos que se desenvolvem em nosso espaço.   Sobre o projeto:   O projeto Horta das Artes é um programa de educação socioambiental de jovens e adultos baseado no ensino de teorias e práticas agroecológicas em uma horta urbana comunitária. Localizada no jardim da Cidade das Artes, o espaço recebe um grupo aberto de voluntários e participantes semanalmente para realização de mutirões e atividades coletivas variadas.   Organizamos visitações guiadas e atividades pedagógicas com turmas de universidades, escolas e creches. Espaço aberto para pesquisas e estudos de campo.   Recebemos grupos e agências de turismo, agende sua visita!   Instagram: @hortadasartes [+] saiba mais Momentos Rio | Fragilidade Humana 28/07 a 29/07 Dança Momentos, é um projeto de performance dança-teatro, ou seja, a performance e a expressão corporal estão em primeiro plano. O projeto de performance Momentos foi idealizado pelo diretor e produtor artístico e coreógrafo Vinicius e estreado no verão de 2011 na cidade de Viena. Com o sucesso do projeto ele foi implantado posteriormente no ano de 2013 na cidade de Innsbruck, também na Áustria, 2015 no Rio de Janeiro e 2017 Curitiba e S. José dos Pinhais. Momentos é um projeto de dança-teatro, ou seja, um projeto de dança em que a performance e a expressão corporal, assim como todo o seu processo de acontecimentos estão em foco. O segundo foco é a forma laboratório para o conhecimento da emoção como meio de gerar movimentos individuais e a transformação dos mesmos em dança. Este projeto tem como característica uma série de peças de dança e cada uma delas lida com um certo momento da nossa sociedade no passado, no presente ou no futuro. Em cada série é dançado um tópico, coreografado e transformado num produto final deste laboratório para uma performance de palco. Por último ele é apresentado a uma plateia como uma peça de dança teatro, num teatro profissional na cidade de Viena, Innsbruck ou Rio de Janeiro, Curitiba ou S. José dos Pinhais. Momentos mantem o caráter de um "work in progress", apesar do alto nível de profissionalismo, pois as verdades da vida são momentos em eternas mudanças! Outro aspecto significativo do projeto Momentos é a cooperação com outras formas de arte: a interdisciplinaridade como uma sinergia artística. O encontro com (estudantes) músicos que enriquecem a peça de dança com suas próprias composições e participação dos mesmos nas apresentações ao vivo, assim como os estudantes de cinema, vídeo, moda e fotografia permitem uma intensa troca artística nos diferente níveis sobre o tema abordado na dança, apesar do curto espaço de tempo de produção: no Rio de Janeiro em duas semanas! O tema abordado neste ano é a „Fragilidade Humana“. Pela primeira vez na história do projeto internacional de dança-teatro Momentos, as produções deste ano de todas as cidades-Momentos estão ligadas tematicamente através do título: „Fragilidade Humana - Human Fragility - Menschliche Fragilität., o qual é composto pelas línguas locais das cidades Momentos (Viena, Innsbruck, Münster, Rio, Curitiba e S. José dos Pinhais) e o Inglês como a língua unificadora. Pode-se perguntar imediatamente se a fragilidade humana não pertence às „línguas das qualidades“ conectadas ao ser humano. Pois a fragilidade é como um extrato das mais puras qualidades do ser humano, tais como a delicadeza, a integridade, a bondade, a harmonia, enfim a vida. Porque elas dão uma ideia de que a coisa mais bonita em nós é a mais forte e ao mesmo tempo a mais sensível e facilmente vulnerável a destruição? Semelhante à porcelana: uma das peças mais caras e simultaneamente uma das mais frágeis… O espetáculo „Fragilidade Humana“ nos transportará a uma viagem ao mais profundo mundo das emocionalidades, dos dualimos e desejos humanos. www.facebook.com/momentos.riodejaneiro      Equipe Momentos Rio:  Direção artística e coreográfica Momentos (Wien, Innsbruck, Rio, Curitiba-SJP): Vinicius Coordenação de produção artística e coreográfica: Eduardo Ramos Coordenação: Samuel Barreto Coordenação Produção: Camila Christie Coordenação Figurino: Jéssica Garcez Assistência de figurino: Lectícia Barros e Bruna Pereira Cenografia: Danda Bayer & Weslley Souza Trilha sonora: Escola de Música Villa-Lobos & Marcelo Sant'Anna Design de Luz: Careca - Operação de luz: Carolina Dworschak Arte gráfica: Glauco Fonseca & Camilia Christie   Informações sobre os projetos Momentos: Áustria:  www.facebook.com/momentos.wien  www.facebook.com/momentos.innsbruck    Brasil:  www.facebook.com/momentos.curitiba   www.vinicius.de    [+] saiba mais Artrium | Concerto 23/07 Música CRISTIAN BUDU, se estabeleceu como uma nova referência no cenário pianístico internacional. Ele foi vencedor do Concurso Internacional Clara Haskil (2013), entrou recentemente para as seletas listas “Top 10 Recent Beethoven Recordings” e "Top 10 Chopin Recordings”, da Gramophone, que também lhe concedeu "Editor's Choice". Já solou à frente da Orquestra Sinfônica de Lucerna, Orquestre de la Suisse Romande e Orquestra Sinfônica da Rádio de Stuttgart".   RAFAEL CESARIO, obteve o diploma de Perfectionnement (spécialité Violoncello) por unanimidade do Júri no “Conservatoire à Rayonnement Départemental du Val de Biévre”- Paris.   WAGNER RODRIGUES, selecionado em 2010 para representar o Brasil em Israel como solista frente a “Israel Chamber Orchestra”, junto do violinista Guy Braustein. Atualmente é violinista convidado na Berliner Camerata, Kammermusikverein Halberstadt, Heidelberg Symphony Orchestra e violinista efetivo na Philharmonisches Kammerorchester Wernigerode - Alemanha.       [+] saiba mais Marco Rodrigo no show Inconfundível 21/07 Música Inconfundível   Ator, diretor de TV, compositor, cantor...   Marco Rodrigo é um desses caras apaixonado pela arte, retorna em seu novo show "Inconfundível".   Um show intimista, apenas um banquinho, um violão, uma voz e muitas canções.   Um show de bossa nova, clássicos do samba e releituras de canções POP com batidas de bossa-nova.   Vai de Ary Barroso a Tom Jobim, Elton John a Alceu Valença, de Madona a João Gilberto, com releituras para voz e violão e incluindo suas próprias canções.   No show o cantor relembra histórias e cenas da MPB, em um show bem light.   Dando uma versão vocal e instrumental bem brasileira, com versatilidade e ritmo com qualidade sonora e interpretativa que valoriza a voz do cantor, que faz homenagem aos grandes ídolos em um show POP, Samba e Bossa.   Informações: Joaquim Vidal - (21) - 98862-6011 [+] saiba mais Atividade Gratuita | "O Natural é Brincar" 21/07 Arte e Educação A Creche Escola Interativa em parceria com a Cidade das Artes, vai promover uma tarde de oficinas gratuitas de música, história e pintura. História: O ponto, texto e ilustrações: Peter H. Reynolds, Editora:  Martins Fontes Oficina de Música com Wellington Nascimento. Oficina artes: técnica de colagem. O público presente também vai poder apreciar a exposição “ O Natural é Brincar” no período de 21/07 a 28/07. A mostra reúne 24 obras dos alunos da Creche Escola Interativa, que se inspiraram nos artistas Alex Terra e Sandra Guinle e refletem o quanto a arte é natural para os pequenos.   Classificação Etária: até 5 anos;     Inscrições: saladeleitura.fca@gmail.com ou 3325.0448 [+] saiba mais Ópera, Bastien und Bastienne | Mozart 14/07 e 15/07 Música Bastien und Bastienne é uma ópera cômica escrita em 1768, quando Mozart tinha apenas doze anos de idade, e uma das primeiras óperas do compositor. É especificamente uma paródia da ópera Le devin du village de Jean-Jacques Rousseau. É, como as óperas desse estilo frequentemente são, amor, traição, um pouco de intriga e um final feliz.   Bastienne suspira pelo seu amado Bastien que partiu para a cidade. Enquanto Bastienne pasta o seu gado, Bastien é seduzido pelo brilho e glamour da cidade e, também, de uma donzela abastada. Por recomendação de Colas, o charlatão e mago da aldeia, quando Bastien regressa, Bastienne faz-se difícil de forma tão cruel que o perturbado e desamado Bastien fica à beira do suicídio. Apercebendo-se finalmente do seu amor transcendente, os dois pastores põem de parte a simulação e reafirmam o seu amor mútuo. Resta apenas ao “mago” entoar o terzetto final com o casal feliz, cantando a magia do amor.   A montagem da Atlantis Opera Orchestra contará com a direção cênica de Manuel Thomas, figurinos da designer Mia Carvalho, inspirados nas aquarelas de Carlos Julião e do pintor holandês Pieter Godfred Bertichenque que retrataram os usos e costumes do Rio de Janeiro do fim do século XVIII e início do XIX, cenários de Maria Isabel Magalhães e luz de Julia Requião.  Os diálogos serão em português.     FICHA TÉCNICA Direção Musica e Regência: Evandro Rodriguese Direção Cênica: Manuel Thomas  Pianista Preparadora: Eliara Puggina   Elenco Bastien: Rodrigo Sammarco, tenor Bastienne: Chiara Santoro Mago Colas: Rafael Siano Mozart: Vittório Gava   Equipe Criativa Tradução: Kristina Michahelles Legenda: Loren Vandal Figurino: Mia Carvalho Execução dos figurinos: Raphael Almeida Iluminação e produção executiva: Julia Requião Cenografia: Maria Isabel Magalhães Assessor de Imprensa: George Patiño   Atlantis Opera Orchestra I Violino: Kelly Davis Moura Viola: João Reis Violoncelo: Diogo Moura Contrabaixo: Matheus Tabosa Oboé: Ruan Pablo Ribeiro Trompas: Jhonatas Oliveira, Felipe Alves.   Produção: Kether Arts [+] saiba mais Temporada de Música de Câmara 19/06 a 15/07 Música A Cidade das Artes inicia, em março, a série de concertos Música de Câmara. Serão 14 apresentações durante todo o primeiro semestre, mesclando ópera, coro de câmara e sinfônico; quarteto de cordas, quinteto de sopros, entre outras atrações. A série começa no dia 10 de março e vai até 15 de julho, com os concertos acontecendo aos sábados e domingos.   [+] saiba mais Espetáculo Libertador | Performance 07/07 a 15/07 Teatro Espetáculo Libertador  |  Performance - Ritual  | A partir do poema "Padê de Exú" de Abdias Nascimento.   Sobre o espetáculo “Libertador” POESIA DE ABDIAS NO ESPETÁCULO LIBERTADOR   Os finais de semana, do mês de julho, na Cidade das Artes – A sala eletroacústica, serão aquecidos pelo Projeto Libertador. Inspirado no Poema Padê de Exu, de Abdias Nascimento, é um monólogo que fala da criação do mundo através da cosmogonia africana até alcançar a força do poesia de Abdias. O Projeto é uma concepção de Thiago Viana. Realização da Cena Portuária Produções Culturais.   Sinopse No espetáculo, o contador de histórias percorre por lembranças de tempos imemoriais, quando através da Cosmogonia Africana, nos conta aspectos da criação do mundo e inicia a caminhada até alcançar os dias atuais. Apesar da apresentação, de momentos próprios da ritualística da herança africana, o monólogo não caminha apenas no território do sagrado, mas, o que ele propõe é reverenciar o sagrado até chegar a um tempo atual, onde o poema de Abdias ecoa no ator como um misto de denúncia e apelo.   Release No Poema, de Abdias Nascimento, "Padê de Exu, Libertador", são preciosos os signos entre o material e o espiritual; a liberdade e a intolerância; e a opressão e a injustiça, que estabelecem atravessamentos à alienação para a formação da gênese brasileira, corroborando à urgência da construção de novas possibilidades na contemporaneidade, dentro de uma sociedade, essencialmente, multicultural. Totalmente particular, "Libertador" é uma performance inspirada a partir da poesia de Abdias e da experiência de intolerância religiosa do autor/ator. Com uma sonoridade afro brasileira, que permite uma corporeidade entre a dança e um movimento ritualístico, que conferem singularidade à presença cênica do ator Thiago Viana. Entre a história da criação do mundo e a obra de Abdias Nascimento, o espetáculo suscita ao público, a seguinte questão: Que sociedade buscamos, se não entendermos as diferenças como traços da nossa identidade? [+] saiba mais Comida, Diversão e Arte | Receita: Sangria 10/07 Projetos CDA    O restaurante Abbraccio em parceria com a Cidade das Artes nos apresenta a bebida tradicional italiana, Sangria. Esperamos vocês para aprender um pouco da preparação deste drink com características tão regionais.   Venha degustar conosco.   Sobre o Abbraccio Cucina Italiana A rede de restaurantes de inspiração italiana Abbraccio veio transformar o comum em extraordinário. Com uma cozinha aberta, que permite aos clientes acompanharem a preparação dos pratos, o conceito une a intensidade do aroma e dos sabores característicos da culinária italiana com uma experiência sensorial única. Destaque para a hospitalidade, atendimento caloroso e um mix de produtos que são releituras de clássicos com um toque contemporâneo. A rede pertence ao grupo Bloomin’ Brands.   PROGRAMAÇÃO GRATUITA. [+] saiba mais
123456