Fundação Cidade das Artes

Destaques da Programação

Musical

20/06 a 18/08

   ‘PETER PAN, O MUSICAL’ CHEGA AO RIO EM 20 DE JUNHO, NA CIDADE DAS ARTES   ESPETÁCULO FOI VISTO POR 160 MIL PESSOAS EM SÃO PAULO     Um dos grandes sucessos do teatro paulista em 2018, ‘Peter Pan, o musical’ finalmente chegará ao Rio, a partir de 20 de junho, na Cidade das Artes A temporada do musical seguirá em cartaz até agosto...

Dança

20/06 a 23/06

Rio H2K 2019 FESTIVAL INTERNACIONAL DE DANÇA   Entre 20 e 23 de junho, o Rio H2K ocupa a Cidade das Artes com programação para todos os públicos e idades: workshops, competições, batalhas de danças, festa e feira gastronômica   Em sua 9ª edição, evento traz coreógrafos brasileiros e internacionais de cinco países: Estados Unidos, França, Itália, Portugal e República Checa...

Música

26/06

Orquestra Petrobras Sinfônica convida Paulinho Moska para a série ‘Concertos de Inverno’   Em parceria com a JBFM, apresentação acontece na Cidade das Artes   Buscando sempre inovar e atrair diferentes públicos para as salas de concerto, a Orquestra Petrobras Sinfônica, em parceria com a JB FM, recebe em junho, pela série ‘Concertos de Inverno’, o cantor e compositor carioca Paulinho Moska A apresentação acontece no dia 26/06, às 20:30h, no Teatro de Câmara da Cidade das Artes...

Eventos Recentes

Academia Juvenil da OPES e Orquestra Sinfônica Aprendiz 16/06 Música A Orquestra Sinfônica Aprendiz e a Academia Juvenil da Orquestra Petrobras Sinfônica tocam juntas na Cidade das Artes   Parceria inédita leva 70 jovens para o palco do complexo cultural Cidade das Artes   Em uma parceria inédita, a Orquestra Sinfônica Aprendiz (OSA) e a Academia Juvenil da Orquestra Petrobras Sinfônica (AJOPES) tocam juntas pela primeira vez na Cidade das Artes, dia 16 de junho, domingo, às 11h, com entrada gratuita. A regência é de Felipe Prazeres, um dos mais conceituados músicos de sua geração. A simbiose entre esses dois projetos socioculturais já acontecia de forma natural e complementar. Tanto a OSA quanto a AJOPES desenvolvem trabalhos sólidos de educação musical e prática orquestral com adolescentes de Niterói e do Rio de Janeiro, respectivamente, e há alguns anos perceberam o intercâmbio orgânico de alunos nas duas formações. No entanto, ainda não tinha sido feita uma parceria formal entre as organizações, que viram nesta parceria uma oportunidade de integrar duas potências vizinhas e análogas. Segundo Daniel Oliveira, coordenador de cordas do Programa Aprendiz, realizar concertos em parceria com a Academia Juvenil da OPES é uma forma de acrescentar conhecimentos e trocar experiências, contribuindo positivamente para o desenvolvimento dos alunos e das equipes de trabalho. A OPES (Orquestra Petrobras Sinfônica) é uma instituição importante e fundamental para história da música clássica no Brasil e é o único conjunto sinfônico nacional gerido pelos próprios músicos, fator que define sua proposta administrativa e também seu jeito de fazer música. Ela opera em sintonia com o trabalho de orquestras como a Filarmônica de Viena, além de desenvolver, através de suas 80 apresentações anuais, projetos que contemplam o cânone do repertório clássico ao mesmo tempo em que exploram novas conexões e territórios artísticos. Pelo sétimo ano a OPES investe na formação de novas gerações de músicos por meio de atividades da Academia Juvenil. O projeto oferece a jovens entre 14 e 20 anos a oportunidade de integrar um programa continuado de aperfeiçoamento técnico, teórico e artístico, respondendo a uma lacuna no processo de sensibilização e capacitação de novos músicos. A AJOPES reúne cerca de 30 jovens músicos a cada ano, oriundos de outros projetos sociais tais como o Aprendiz. A orientação musical e regência é de Felipe Prazeres, que de 2013 a 2017 foi maestro assistente de Isaac Karabtchevsky, é diretor artístico e cofundador da orquestra Johann Sebastian Rio (principal orquestra de câmara do Rio de Janeiro), que atua ainda como spalla da Orquestra Sinfônica da UFRJ, onde também rege concertos desde 2009. Trata-se, portanto, de um grupo referência para a juventude instrumentista do país. Esse reconhecimento também é compartilhado por alunos e profissionais da Orquestra Sinfônica Aprendiz (OSA), que veem na OPES e na sua Academia Juvenil uma formação complementar àquela proporcionada pelo Programa Aprendiz. Neste, que é um dos principais programas públicos de transformação social por meio da música, as atividades começam dentro das escolas municipais com iniciação musical para crianças de 3º ano, e a OSA é o último estágio, sendo a principal formação orquestral. O conjunto que conta com cerca de 40 jovens é regido pelo maestro Evandro Rodriguese e seu currículo inclui a passagem por espaços importantes como os Teatros Municipais do Rio de Janeiro e de Niterói, Teatro João Caetano (Rio), Teatro Popular (Niterói) e Palácio de Cristal (Petrópolis), só pra citar alguns. Compartilhar um concerto, pensar um repertório em conjunto, tocar sob regência de um novo maestro é, sem dúvidas, uma experiência nova e única para todos os envolvidos. Essa parceria, portanto, estreia a reunião de orquestras jovens que têm muito em comum, somando 70 jovens instrumentistas no palco da Cidade das Artes. CONHEÇA OS PROJETOS: Criada em 2007, a Orquestra Sinfônica Aprendiz (OSA) é a principal formação orquestral do “Programa Aprendiz - Música na Escola”, mantido pela Prefeitura de Niterói, e funciona como plataforma de inserção do jovem nas universidades e no mercado profissional da música. Composta por 40 jovens instrumentistas - com idades entre 13 e 22 anos - e sob a regência do maestro Evandro Rodriguese, hoje, há vários integrantes e ex-integrantes da OSA que iniciaram suas carreiras em orquestras profissionais e/ou seguiram formação no magistério. A orquestra é uma oportunidade para que alunos egressos das escolas municipais possam dar continuidade aos estudos musicais, aprofundando seu aprendizado. Assim, os jovens aprimoram suas habilidades técnicas e artísticas, e podem vivenciar a experiência orquestral com ensaios e apresentações públicas. Criada em 2012, a Academia Juvenil da Orquestra Petrobras Sinfônica é projeto educativo da OPES onde reúne alunos de escolas de música e orquestras comunitárias, desenvolvendo um trabalho de orientação musical com cerca de 30 jovens músicos a cada ano, oriundos de projetos sociais. Durante dois anos, eles têm aulas gratuitas e individuais de instrumentos com os músicos especialistas da Petrobras Sinfônica, além da prática de conjunto e disciplinas teóricas. O projeto, que está indo para o seu sétimo ano, conta com o maestro Felipe Prazeres como Regente Titular. REPERTÓRIO: Schubert - Sinfonia Inacabada Brahms - Danças Húngaras n. 5 Straus - Radetzky march   [+] saiba mais Rio H2K 2019 | Festival Internacional de Dança 20/06 a 23/06 Dança Rio H2K 2019 FESTIVAL INTERNACIONAL DE DANÇA   Entre 20 e 23 de junho, o Rio H2K ocupa a Cidade das Artes com programação para todos os públicos e idades: workshops, competições, batalhas de danças, festa e feira gastronômica.   Em sua 9ª edição, evento traz coreógrafos brasileiros e internacionais de cinco países: Estados Unidos, França, Itália, Portugal e República Checa.   Entre 20 e 23 de junho, o Rio de Janeiro é palco do Rio H2K — Festival Internacional de Dança, que há nove edições consecutivas promove as danças urbanas e suas múltiplas vertentes de forma ampla e acessível. Mais de 400 mil pessoas já passaram pelo evento em quase uma década. Durante quatro dias, o festival vai levar para a Cidade das Artes workshops, batalhas de danças, festas, feira gastronômica e até um acampamento. O Rio H2k tem direção de produção de Miguel Colker e direção artística de Bruno Bastos.   Nesta nona edição, o Rio H2K traz 16 coreógrafos nacionais e internacionais de cinco países (Estados Unidos, França, Itália, Portugal e República Checa) para ministrarem workshops para todos os públicos. São profissionais que já trabalharam com estrelas como Justin Timberlake, Rihanna, Anitta, Nicki Minaj, Pabllo Vitar, Black Eyed Peas, Beyoncé, Deborah Colker, Ciara, Jennifer Lopez, Selena Gomez, Karol Conka, Britney Spears e Alicia Keys. Entre os convidados internacionais inéditos no Brasil, destaque para os coreógrafos Dafne Bianchi (Itália), Diana Matos (Portugal), Hollywood (Estados Unidos), Sonia Soulshine (França) e Tony Tzar (Estados Unidos).   Na programação também estão as apresentações do Showcase, uma mostra não competitiva com 20 grupos de dança do Brasil e de outros países, e o Rio H2K Battles – uma vibrante batalha entre 200 participantes. Este ano, o formato da competição mudou: dançarinos das mais diversas modalidades (hip-hop freestyle, house, popping, locking, breaking, passinho, dancehall, jazz funk, vogue, entre outros) vão participar em uma só categoria. Os artistas serão avaliados por cinco jurados: Meech Onomo (França), Jaja Vankova (República Tcheca), André Rockmaster (Brasil), Dafne Bianchi (Itália) e JP Black (Brasil). O grande vencedor receberá um prêmio de R$ 2.500 e o segundo melhor colocado levará R$ 500.   “A ideia é proporcionar uma batalha livre de rótulos em que os dançarinos desafiem a si mesmos e seus oponentes por meio da criatividade, musicalidade e variaedade de ritmos e de estilos”, explica Bruno Bastos, idealizador e diretor artístico do Rio H2k.   Para quem quiser ter a experiência de viver os quatro dias dentro do festival e acampar nos jardins da Cidade das Artes, o Kemp é uma oportunidade única. Há espaço para 165 barracas individuais e também é possível optar entre usar a barraca do festival ou levar a sua própria. O sistema de hospedagem dentro do evento está disponível com a compra do ingresso “passaporte + Kemp”, que inclui também vestiários com chuveiros, área de convivência (com pontos de energia), água potável e posto médico.     SOBRE O RIO H2K   Desde a sua primeira edição, em 2011, o Rio H2K já recebeu 56 espetáculos, 196 coreógrafos, 997 workshops e um público aproximado de 415 mil pessoas. A essência do festival é a dança urbana e os seus diferentes gêneros, que vão desde os estilos originais que surgiram nos Estados Unidos, entre as décadas de 1960 e 1980 (breaking, hip-hop, dance house, locking e popping) até as criações mais recentes (dancehall, krumping, stiletto e videodancing). Em 2014, o festival incorporou com sucesso aulas de sapateado e batalhas de passinho. Três anos depois, em 2017, o evento trouxe oficinas de afromix, coco de roda, jongo, samba e zouk. Site oficial: www.rioh2k.com.br     OS COREÓGRAFOS     André Oliveira – passinho (Brasil) Com apenas 19 anos, ele é dançarino, professor, coreógrafo e pesquisador de movimentos. Integrante da companhia de Dança Passinho Carioca e coreógrafo da Cia. Afro Black, André é uma referência no mundo do passinho. Nas batalhas, acumula vários títulos, entre eles bicampeão de passinho do Rio H2K Battles.     André Rockmaster – coaching/preparação física (Brasil) Formado em Educação Física e pós-graduado em Fisiologia do Exercício, ele é um dos precursores das danças urbanas no Brasil. Em 1999, já ministrava workshops de locking, popping e breaking em todo o país. Rockmaster é coreógrafo, coach e jurado em competições de dança e já trabalhou com Luciana Mello, Bboy Neguin, Sheilla Mello, Fat Family, Alexandre Pires, além do Cirque du Soleil. Em TV, participou dos programas Domingão do Faustão e TV Xuxa, da Rede Globo, e Vai Dançar, do Multishow.     Cat Cogliandro – contemporary fusion (Estados Unidos) Citada pela revista americana Dance Spirit como uma das 13 melhores jovens coreógrafas da atualidade, a texana participou dos programas de TV So You Think You Can Dance e America's Got Talent. Cat é professora de dança na badalada Movement Lifestyle e comanda a sua própria companhia de dança, a Catastrophe!     Dafne Bianchi – dancehall (Itália) – Primeira vez no Brasil Italiana residente em Paris, ela se formou em dança de salão com o coreógrafo Camron One-Shot e, em seguida, aprimorou os estilos fundamentais do hip-hop na Juste Debout School.  Em 2016, Dafne foi jurada na categoria de dança de salão do Juste Debout, maior evento mundial das urbanas. Trabalhou com a atriz e dançarina Parris Goebel e com a banda de electro-pop Hyphen Hyphen, além de ter participado do musical Os três mosqueteiros. Juntamente com seu marido, Bianchi criou uma peça para o Teatro Nacional Chinês de Kunming. Atualmente, faz parte do grupo Scandalize.       Diana Matos – hip-hop (Portugal) – Primeira vez no Brasil Há oito anos, a vida desta bailarina portuguesa mudou. Viajou de Lisboa para Londres para tentar a vida e, desde então, já trabalhou com Beyoncé, Jessie J., Nicki Minaj, Missy Eliot e Pharrell, entre outros. Atualmente integra o grupo de dançarinos da tour mundial The Man of the Woods, em que dança lado a lado com Justin Timberlake. É considerada a melhor dançarina portuguesa da atualidade.     Filipi Ursão – hip-hop (Brasil) Apresentador oficial do Rio H2K, ele foi coreógrafo da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016 e do Palco Street Dance do Rock in Rio. Já deu aulas em diversas cidades como Los Angeles, Paris e Amsterdã. Participou de projetos como Rio Eu Te Amo e como jurado e dançarino na TV Xuxa.      Gabriel Braga – contemporary fusion (Brasil) Conhecido por ter um estilo único de dança ao misturar hip-hop com contemporâneo, Gabriel Braga é coreógrafo e diretor do Project H[u]mans. Participou de festivais de peso no mundo do hip-hop com as companhias de dança JS Company e Le Cousa Contemporânea.     Hollywood – hip-hop (Estados Unidos) – Primeira vez no Brasil Nascido em Porto Rico e criado em Nova York, o coreógrafo e dançarino Hollywood dança desde os cinco anos de idade. Ele recebeu uma bolsa de estudos na Broadway Dance Center, em Nova York. Quando a bolsa acabou, Hollywood sabia que precisava continuar seus estudos, mas não podia pagar as aulas. Então, ele se inscreveu no programa de trabalho da BDC, que permitia que os dançarinos administrassem e limpassem as instalações em troca de aulas. Sua carreira profissional alavancou quando ele se tornou o coreógrafo da estrela do hip-hop Lil Mama. De lá pra cá, já trabalhou com Jennifer Lopez, Chris Brown, Ciara, Diddy, Rihanna, Nicki Minaj, Beyoncé, entre muitas outras celebridades.     JC Seven – hip-hop (Brasil) A vida do paulista Jean Carlos, mais conhecido por JC, mudou ano passado durante a oitava edição do Rio H2K. Por ter se destacado no workshop da coreógrafa Ysabelle Capitule, o jovem de 20 anos foi o ganhador de uma bolsa de estudos no FairPlay Dance Camp, na Polônia, e teve a oportunidade de dançar com renomados profissionais do mundo todo. Agora, ele vai dividir essa experiência com o público do Rio H2K. JC inicou seus estudos em danças urbanas há 12 anos. Atualmente é professor do Westside Dance Studio, em São Paulo, faz parte do grupo de coreográfos do artista Kafé e também trabalha com a cantora Lia Clark. Já atuou como dançarino de artistas como Manu Gavassi, Dj Yuri Martins e Banda uó. Fez parte do Grupo Anonymous Crew durante quatro anos e hoje é fundador e integrante da companhia Westside.     JP Black – locking e popping (Brasil) Dançarino, professor e coreógrafo do grupo Funkeados, JP Black é uma referência em locking na América do Sul. Em 2017, ficou em segundo lugar na batalha do estilo no Juste Debout, considerado um dos maiores festivais de danças urbanas do mundo, realizado anualmente na França. Foi tetracampeão da batalha de locking do Rio H2k e, em 2016, foi convidado para fazer parte da banca de jurados. No Chile, foi campeãpo da batalha de locking do festival Street Dance Machine, em Santiago. Na Argentina, foi jurado da batalha da modalidade e professor no festival Hit Tha Beat, em Mendoza. É professor de diversos projetos sociais de dança, entre eles o promovido pelo Rio H2K no Viaduto de Madureira.     Jaja Vankova – krumping e robotting (República Checa) Dançarina do I.aM.mE Crew, grupo campeão da sexta temporada do MTV's Americas Best Dance Crew, ela também participou do Paramount's League of Extraordinary Dancers, mais conhecido como The LXD, e do filme Step Up 5 interpretando a Robot Girl. Vankova venceu diversas competições de dança urbana e batalhas, além de ter participado de campanhas para marcas como Nike, Puma, Vlado, Scoodie e Aqua. Ela também coreografou e estrelou vídeos para artistas como Skrillex, Nick Cannon e Far East Movement.     Juan Chi – vogue femme (Brasil) Referência nacional nas vertentes de danças urbanas, balé clássico, jazz e contemporâneo, Juan Chi venceu o Prêmio Açorianos de Dança com seu trabalho de difusão do vogue e na cena queer de Porto Alegre. Já trabalhou com artistas como Bob the Draq Queen, Karol Conka, Mateus Carrilho, Tainá Costa, Lorena Simpson e Pabllo Vittar. Leciona aulas regulares de danças urbanas nas escolas Dept Cult e Infocus Studio de Dança, em São Paulo. Criou o coletivo de arte YRENES, no qual é integrante e performer, além da House of Zion, onde desenvolve seu trabalho com o Voguing.     Meech Onomo – hip-hop e house (França) Michel Onomo, conhecido como Meech, trilhou desde cedo seu caminho na dança, mais especificamente no hip-hop. Ele se especializou em hip-hop e em house dance, tornando-se um especialista no cenário mundial, vencedor de quatro edições do Juste Debout. Desde 2007, vem desenvolvendo seus próprios projetos como coreógrafo. Seus solos foram apresentados na Biennale de la Danse de Lyon, seguido de turnês nos Estados Unidos e Japão.     Pedro Reis – jazz funk e heels (Brasil) Bailarino, coreógrafo e professor, Pedro Reis trabalha atualmente com o coreógrafo francês Yanis Marshall, conhecido por dançar sobre saltos altos vertiginosos. Além de ter estudado danças urbanas, Pedro dedicou-se também ao balé clássico, jazz dance e contemporâneo. Fez parte do grupo Westside Full, integra o balé do cantor Rodrigo Teaser com o show Tributo ao Rei do Pop (Michael Jackson) e também faz parte do balé do cantor Mateus Carrilho. Participou de clipes de Rafael VIdalles, Daniel Salve, Kefera, ZEK, Marihanna, Aretuza Lovi, Mateus Carrilho e Johnny Hooker. Coreografou o clipe “Mulher Gato”, da cantora Wanessa Camargo, e o evento Miss São Paulo, no qual também foi bailarino. Ano passado, fez parte do balé da cantora/drag Trixie Mattel (RuPaul Drag Race) no The Globe Theatre em Los Angeles.     Sonia Soulshine - Waacking (França) – Primeira vez no Brasil Dançarina, coreógrafa e professora francesa, Sonia começou a dançar hip-hop em 1998.  Integrou várias companhias profissionais de dança na Europa e também coletivos como "llicit Dance", "Alpha Division", "Art of Urban Dance" (Niels "Storm" Robistsky) e "Interpretationzz" (John Agelisas). Depois de dançar com esses grupos predominantemente masculinos, ela começou a dançar Waacking. Imbuída de uma forte técnica do Funkstyle, Sonia pratica Waacking há mais de 20 anos, com muita elegância e feminilidade.     Tony Tzar – hip-hop (Estados Unidos) – Primeira vez no Brasil O talento de Tony Tzar para a dança vem de berço. Sua mãe, apesar de militar das forças aéreas, era breakdancer, e o influenciou bastante. Ainda jovem, modou-se de Washington para Los Angeles com apenas 600 dólares e uma mala de roupas. Ao chegar, ele não tinha onde ficar e morou na rua por um mês. Tony já trabalhou com Britney Spears, Jason Derulo, Alicia Keys, Jessi Malay e Iyaz. E já viajou a trabalho para países como Polônia, Ítália, Reino Unido, África do Sul, Coreia, Taiwan, Japão, Austrália, Nova Zelândia, Singapura, Eslovênia, Suécia, Ucrânia, Suíça, México, Guame e Rússia.     PROGRAMAÇÃO DIÁRIA   20/06 (Quinta) Praça 14h - Pedro Reis 15h45 - Meech Onomo 17h30 - Jaja Vankova 19h15 - Cat Cogliandro Palco Start 14h15 - Sonia Soulshine 16h - Filipi Ursão 17h45 - Dafne Bianchi 19h30 - JP Black     21/06 (Sexta)   Praça 11h - Meech Onomo 12h45 - Filipi Ursão 14h15 - Hollywood 16h15 - Diana Matos Palco Start 11h - André Oliveira DB 12h45 - Pedro Reis 14h15 - Jaja Vankova 16h15 - Sonia Soulshine Praça 19h - Apresentação de grupos no Showcase     22/06 (Sábado)   Praça 10h - JP Black 11h45 - Dafne Bianchi 13h30 - Meech Onomo 15h15 - Tony Tzar 17h - Diana Matos 18h45 - Hollywood 23h - Festa       Palco Start 10h - André Rockmaster 13h30 - JC Seven 15h15 - André Oliveira DB 17h - Juan Chi 18h45 - Cat Cogliandro Sala dança 10h - SoulSync com Cat Cogliandro, Gabriel Braga e Pedro Reis Sala Eletroacústica 16h30 – 17h30 - Credenciamento Sala Eletroacústica 18h - Seletiva Rio H2K Battles     23/06 (Domingo)   Praça 10h - Dafne Bianchi 11h30 - Jaja Vankova 13h - Meech Onomo 18h15 - Tony Tzar + Bolsa Fair Play Palco Start 10h - Juan Chi 11h45 - JC Seven 13h30 - Pedro Reis  Sala Dança 10h - Hollywood 11h30 - Tony Tzar 13h - Diana Matos Teatro Câmara 16h30 – Final Rio H2K Battles       Assessoria de imprensa RioH2K 2019 Paula Catunda (paula.catunda@gmail.com) | (21) 98795-6583 Catharina Rocha (catharocha@gmail.com) | (21) 99205-8856 [+] saiba mais Curso de Teatro Musical M&B 01/04 a 26/06 Cursos e Workshops Curso Prático para Teatro Musical com os diretores Charles Möeller, Claudio Botelho e o Maestro Marcelo Castro Prática de montagem de O Despertar da Primavera e de Broadway Baby! A partir de abril de 2019, os diretores Charles Möeller, Claudio Botelho e o maestro Marcelo Castro irão ministrar, em parceria com a Cidade das Artes, um curso prático de Teatro Musical voltado para estudantes de teatro, atores e cantores. O curso irá oferecer informações privilegiadas sobre o processo de criação dos premiados e consagrados Charles Möeller, Claudio Botelho e Marcelo Castro, assim como sobre o método desenvolvido pela Möeller & Botelho nos mais de 20 anos de trabalho da dupla. O workshop contará com a prática de montagem do musical O Despertar da Primavera - que será remontado ainda em 2019 por Möeller&Botelho e de Broadway Baby!   Prática de Montagem: O DESPERTAR DA PRIMAVERA Alunos com idade a partir de 16 anos. Professores: Charles Möeller, Claudio Botelho e Marcelo Castro Duração: 3 meses (de 01 de abril à 26 de junho) Local: Cidade das Artes – Barra da Tijuca Aulas: segundas, terças e quartas de 17h às 20h Apresentação final: 29/30 de junho Obs.: Não haverá aulas nos dias: 22, 23, 24 de abril e 01 de maio. Teremos eventuais aulas/ensaios aos sábados, à tarde, para reposição e preparação da apresentação final.   INVESTIMENTO: Taxa de matrícula: R$ 100,00 (cem reais) Valor do curso: 03 (três) parcelas de R$ 1.500,00 (hum mil e quinhentos reais)   * Para detalhes de condições e forma de pagamento, entrar em contato com a coordenação do curso conforme abaixo:   INFORMAÇÕES: Tel. (21) 99569-6851 de segunda à sexta, de 10h às 17h e cursos@moellerbotelho.com.br   Redes sociais M&B: Facebook: @moellerebotelho Instagram: @moellerbotelho [+] saiba mais Concertos de Inverno edição #camarapop | Paulinho Moska 26/06 Música Orquestra Petrobras Sinfônica convida Paulinho Moska para a série ‘Concertos de Inverno’   Em parceria com a JBFM, apresentação acontece na Cidade das Artes   Buscando sempre inovar e atrair diferentes públicos para as salas de concerto, a Orquestra Petrobras Sinfônica, em parceria com a JB FM, recebe em junho, pela série ‘Concertos de Inverno’, o cantor e compositor carioca Paulinho Moska. A apresentação acontece no dia 26/06, às 20:30h, no Teatro de Câmara da Cidade das Artes.   No encontro inédito, o artista e o grupo de câmara da OPES, formado por 10 músicos, interpretarão sucessos como “O último dia”, “A seta e o alvo”, “Pensando em você” e “Tudo novo de novo”, todos temas em novelas e séries de TV. Também integram o programa músicas que fazem parte da trajetória do cantor, como “Um móbile no furacão”, “Admito que perdi” e “A idade do céu”. Moska possui 17 álbuns, sendo dez de estúdio, três ao vivo, uma coletânea e três do programa Zoombibo (apresentado por ele no Canal Brasil).   A série ‘Concertos de Inverno’ encerra no dia 24/07, com uma apresentação com a participação de Daniel Boaventura.   Sobre a Orquestra Petrobras Sinfônica Aos 47 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres, a orquestra é formada por mais de 80 instrumentistas e tem como diretor artístico e regente titular o maestro Isaac Karabtchevsky, nome mais respeitado no Brasil e consagrado internacionalmente.   Modelo de gestão: A Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro, entidade que administra o conjunto, apresenta uma proposta administrativa inovadora, sendo a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos.      Sobre a PETROBRAS: A Petrobras completa 33 anos de patrocínio da Orquestra Petrobras Sinfônica em 2018. Através do Petrobras Cultural, a companhia busca contribuir para o fortalecimento das oportunidades de criação, produção, difusão e fruição da cultura brasileira, para a ampliação do acesso dos cidadãos aos bens culturais e formação de novas plateias. A parceria é essencial para manter a Orquestra Petrobras Sinfônica entre os principais conjuntos da América Latina, sempre desenvolvendo um importante trabalho de democratização da música clássica e de renovação do público do gênero.     Informações para a imprensa MNiemeyer Assessoria de Comunicação http://www.mniemeyer.com.br Marina Avellar – marina@mniemyer.com.br (21) 2178-2599 / (21) 98229-8542 Andrea Pessôa - andrea@mniemeyer.com.br (21) 2178-2112/ 99155-1222 [+] saiba mais Junta Local 29/06 a 30/06 Feira A Junta Local está de volta à Barra da Tijuca para promover o seu primeiro Festival de Inverno, trazendo uma curadoria especial voltada para a estação, com muito queijo, vinho, chocolate, café, e também música. Como todas as feiras da Junta Local, há uma enorme variedade de produtos, tanto para se fazer a feira, como para se beber e beber na hora, sempre com muita troca e relação direta com os pequenos produtores que fazem parte do coletivo. O lado musical do festival trará artistas com uma proposta musical intimista, mas calorosa, e terá curadoria do coletivo de DJs residentes: o Juntos com Certeza e o Leão Etíope do Meier. A feira acontecerá nos dias 29 e 30 de junho, das 12h às 20h, com mais de 50 barracas ocupando a praça da Cidade das Artes. Convidamos a todos a trazerem suas toalhas e cestas de piquenique (e quem sabe cobertores) para se esparramar pelo evento e pelo extenso gramado. As feiras da Junta Local são uma oportunidade única para comer bem e conhecer os produtores que fazem parte da plataforma de aproximação e mudança do sistema alimentar proposta pelo projeto, originado em agosto de 2014 em Botafogo.  [+] saiba mais Festa Julina do Retiro dos Artistas 05/07 a 07/07 Festival FESTA JULINA DO RETIRO DOS ARTISTAS 2019   A Cidade das Artes se prepara para receber, pela primeira vez, a tradicional Festa Julina do Retiro Dos Artistas. Serão três dias especiais, com a participação de grandes nomes da nossa música popular brasileira. A festa é a maior fonte de renda da instituição, e o lucro obtido ajuda nos custos de manutenção por pelo menos quatro meses, uma vez que o Retiro vive apenas de doações.   O evento acontece nos dias 05, 06 e 07 de julho, das 16h à 2h. Valor do Ingresso: R$ 40 (inteira) R$ 20 (meia)   OBS: Compre seu ingresso no valor de meia-entrada levando um litro de leite ou apresentando o seu RIOCARD no dia do evento. Crianças com até 06 anos não pagam. Os ingressos já estão à venda no site www.pdvdigital.com.br e na bilheteria do Retiro dos Artistas (Rua Retiro dos Artistas, 571 / Tel.: 3327-4591 / 2516-8383)     História do Retiro dos Artistas   Oficialmente fundado em 13 de agosto de 1918, no teatro Trianon, por 68 profissionais, o grupo se reuniu pela primeira vez, para eleger a sua diretoria, em 19 de agosto de 1918, com a presença de 133 artistas, no velho Cine Teatro Pathé.   Como homenagem ao ator João Caetano, a data oficial da fundação passou a ser dia 24 de agosto de 1918. E, a partir daí, sua data de aniversário de morte passou a ser comemorada como DIA DO ARTISTA.   Com o passar do tempo e devido a alguns acontecimentos, a Casa dos Artistas se resumiu ao trabalho assistencial do Retiro. Vivendo de doações e campanhas, a "nova instituição" tratou de investir na qualidade de atendimento, visto que, o número de profissionais da área artística aumentava cada vez mais.   Nesses 100 anos de existência a CASA DOS ARTISTAS escreveu uma rica história artística, social e assistencial, tendo permanecido até os dias de hoje como uma instituição de caráter único em nosso país.   Hoje, abrigamos 52 artistas idosos de todas as áreas: cinema, teatro, TV, músicos, jornalistas e técnicos em geral. A todos são oferecidos: assistência médica, medicamentos, cinco refeições por dia, fisioterapia, psicólogo, massoterapia, projetos sociais com desenvolvimentos de trabalhos manuais e cognitivos, horta terapia, yoga, programação em teatro e cinema, e o principal: DIGNIDADE E AMOR.   [+] saiba mais PianOrquestra | Timeline 12/07 a 13/07 Música O PianOrquestra se destaca pela originalidade e qualidade com um trabalho que envolve quatro pianistas, uma percussionista e um piano preparado. Com luvas, baquetas, palhetas de violão, fios de náilon, sandálias de borracha, peças de metal, madeira, tecido e plástico, o PianOrquestra explora as infinitas possibilidades de timbres e sonoridades produzidos pelo piano, transformando o instrumento em sua própria orquestra. Considerado um dos “10 melhores concertos do ano” pelo Jornal O Globo; em 2016, recebeu a maior pontuação das 3 Américas para participar do showcase Classical Next, na Holanda. Vem realizando temporadas com casa esgotada nas principais capitais do Brasil e do mundo. Com o novo espetáculo intitulado “Timeline”, o PianOrquestra traz para o palco um espetáculo que transcende o tempo. Tira-nos do aqui e agora e leva-nos à uma incrível viagem pelo tempo através da música. O grupo aborda o “Tempo” de maneira lúdica, explorando um conceito do tempo fluido ao redor da força gravitacional do piano, utilizando tecnologia e multilinguagens, integradas à performance de alta virtuosidade. Ondas e linhas são representadas através de projeções, de elásticos e fios trançados que fazem a conexão entre o piano e os músicos, transportando o público em uma viagem temporal cheia de surpresas artísticas e musicais entre as obras de compositores brasileiros como Pixinguinha, Claudio Santoro, Milton Nascimento, Toninho Horta, Villa-Lobos, passando por Arvo Pärt, chegando a cena pop contemporânea mundial com Beatles e Michael Jackson. Realização: Gaia Produções Artística e Culturais. Patrocínio Cultural: Furnas S/A. [+] saiba mais Peter Pan o Musical 20/06 a 18/08 Musical    ‘PETER PAN, O MUSICAL’ CHEGA AO RIO EM 20 DE JUNHO, NA CIDADE DAS ARTES   ESPETÁCULO FOI VISTO POR 160 MIL PESSOAS EM SÃO PAULO     Um dos grandes sucessos do teatro paulista em 2018, ‘Peter Pan, o musical’ finalmente chegará ao Rio, a partir de 20 de junho, na Cidade das Artes. A temporada do musical seguirá em cartaz até agosto. A fábula do menino que se recusava a crescer, criada por J. M. Berrie, é cada vez mais atual e foi vista por mais de 160 mil pessoas, em São Paulo. Esse clássico tornou-se referência na literatura, no cinema e também no teatro. A versão da Broadway de ‘Peter Pan’ finalmente ganhou uma montagem brasileira, com Mateus Ribeiro no papel título e Tuca Andrada como Capitão Gancho. O espetáculo tem direção de José Possi Neto, em uma produção da Touché Entretenimento, apresentação da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro - ISS e Bradesco Seguros, com patrocínio master do Bradesco e patrocínio Alelo, Multiplus, Drogarias Pacheco-SP, Nestlé, Apsen Farmacêutica, Premier Pet, ONS, Multiplan, BNY Mello e Outback. Para interpretar o personagem, Mateus foi selecionado através de audições, que tiveram mais de 4000 candidatos. A escolha não poderia ter sido mais acertada, Mateus ganhou os principais prêmios de melhor ator do ano. Tuca Andrada se divide entre o Capitão Gancho e o Sr. Darling. No palco, estão também Karina Mathias (Wendy), Pedro Navarro (Smee), Giselle Lima (Sra. Darling), Carol Botelho (Tiger Lilly) e grande elenco. A direção musical é de Carlos Bauzys. ‘Peter Pan, o musical’ foi o destaque das premiações no ano passado. Teve 10 indicações ao Prêmio Reverência (venceu melhor ensemble e Mateus Ribeiro foi eleito melhor ator), nove indicações ao Prêmio Bibi Ferreira (venceu Melhor cenário, melhor figurino e melhor coreografia). O espetáculo foi eleito um dos três melhores musicais do ano, pela Folha de São Paulo, e teve 14 indicações ao Broadway World Brazil Awards 2018, além de vencer três categorias do Prêmio Destaque Imprensa Digital: Destaque Musical Estrangeiro, Destaque Ator (Mateus Ribeiro) e Destaque Coreografia (Alonso Barros). A montagem de ‘Peter Pan’ é um sonho antigo da produtora Renata Borges, que já trouxe ao país outros clássicos, como ‘Cinderella’ (de Rodgers & Hammerstein´s), ‘Sim, eu aceito’ e ‘Como eliminar seu chefe’. “Fizemos uma montagem com toda a grandiosidade que o espetáculo pede e isso só foi possível graças ao aporte da Bradesco Seguros, que é uma empresa que investe na cultura do seu povo e com a qual temos parceria há mais de dez anos." e,  Renata complementa: “é uma versão original, feita com nosso talento. Trouxemos os técnicos de efeitos especiais e voos da Broadway. Não poderia estar mais feliz, além do imenso sucesso de público, conquistamos os principais prêmios da temporada teatral paulista”. A ficha técnica traz ainda nomes como Alonso Barros (coreografia), Thanara Schonardie (figurinos), Renato Theobaldo (cenógrafo) e Roberto Rolnik (cenógrafo assistente). A versão nacional é de Bianca Tadini e Luciano Andrey. Sobre o Peter Pan ‘Peter Pan’ chegou à Broadway em 1954, e venceu três Tony Awards, incluindo melhor ator (Cyril Ritchard, o Capitão Gancho) e atriz (Mary Martin), que interpretou Peter Pan, seguindo uma tradição de mulheres no papel-título do espetáculo. No Brasil, porém, a montagem escolheu um homem para viver Peter Pan. O musical é uma adaptação da peça de J. M. Barrie, de 1904, (que gerou também o livro ‘Peter e Wendy’). A música do original da Broadway é de Mark Charlap (com música adicional de Jule Styne) e a letra é de Carolyn Leigh (com letra adicional de Betty Comden e Adolph Green). Em 1979, houve uma remontagem na Broadway, indicada aos Tony´s de melhor atriz (Sandy Duncan) e melhor revival. Em 1990, o clássico retornou mais uma vez à Broadway, concorrendo ao Tony de melhor revival e melhor atriz, Cathy Rigby, que reassumiu o papel em uma montagem de 1998, também indicada ao Tony de melhor revival. ‘Peter Pan, o musical’ tem apoio da Verifone, Experimento (CVC), Abbraccio, Arysta, Windham, Dry Wash Lavanderia, Tomi Mobiliário Urbano e Caçula. José Possi Neto Um dos encenadores mais respeitados do país, José Possi Neto já dirigiu espetáculos como ‘3 mulheres altas’, com Beatriz Segall, Nathalia Thimberg e Marisa Orth; ‘Tartufo’, com Paulo Autran; ‘De braços abertos’, com Irene Ravache e Juca de Oliveira;  além de inúmeros musicais, como ‘New York, New York’,  com Alessandra Maestrini e ‘Mamonas’; e shows de cantores como Gal Costa, Simone e Maria Bethânia. Touché Entretenimento Tendo à frente Renata Borges, a Touché Entretenimento (antiga Fábula Entretenimento) vem se consolidando como uma das grandes produtoras de musicais do país: ‘Sim, eu aceito’ – com Diogo Vilela e Sylvia Massari; ‘Como eliminar seu chefe’, além da superprodução ‘Cinderella, o musical’, que foi visto por mais de 100 000 pessoas, entre Rio de Janeiro e São Paulo. Sobre o Bradesco Cultura Com mais de 350 projetos patrocinados anualmente, o Bradesco acredita que a cultura é um agente transformador da sociedade. O Banco apoia iniciativas que contribuem para a sustentabilidade de manifestações culturais que acontecem de norte a sul do país, reforçando o seu compromisso com a democratização da arte. Com apoio a eventos regionais, museus, feiras, exposições, centros culturais, orquestras, musicais e muitos outros, a instituição possui, ainda, uma plataforma de naming rights com o Teatro Bradesco, que conta com unidades em São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro. Passaram pela Temporada Cultural do Bradesco em 2017 as exposições Anita Malfatti, Antônio Gaudi, Steve Jobs, Van Gogh, Yoko Ono, e os espetáculos ‘Les Miserables’ e ‘O Homem De La Mancha’, entre outros. Circuito Cultural Bradesco Seguros Manter uma política de incentivo à cultura é compromisso permanente do Circuito Cultural Bradesco Seguros. Nos últimos anos, o Grupo Bradesco Seguros orgulha-se de ter patrocinado e apoiado projetos nas áreas de música, dança, artes plásticas, teatro, literatura e exposições, além de outras manifestações artísticas. Dentre as atrações realizadas recentemente, destacam-se os musicais “Bibi - Histórias e Canções”, “Chacrinha, O Musical”, “Elis - A Musical”, “A Família Addams”, “O Rei Leão”,  “Bem Sertanejo”, “Les Misérables”, “60 – Década de Arromba”, “Cinderella” e “Wicked”, além da “Série Dell'Arte Concertos Internacionais”, “Ballet Zorba, O Grego” e a exposição “Cavaletes de Cristal de Lina Bo Bardi no MASP”. Para conhecer o calendário 2018 dos espetáculos patrocinados e apoiados pelo Circuito Cultural Bradesco Seguros, acesse www.bradescoseguros.com.br, clique na opção “Outros Portais” e “Circuito Cultural”.     Assessoria de Imprensa: Xavante Comunicação Alan Diniz alan@xavantecomunicacao.com.br (21) 99473.6974 [+] saiba mais Maquete de LEGO® do Rio de Janeiro I Exposição Permanente 01/01 a 31/12 Artes Visuais LEGO® doa ao Rio de Janeiro a maquete feita com 947 mil peças A maquete do Rio de Janeiro feita totalmente em LEGO foi construída para homenagear de forma criativa e inusitada a cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016 e ficará exposta permanentemente na Cidade das Artes como legado cultural.   A construção destaca os 25 importantes ícones da cidade como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, os Arcos da Lapa, o Maracanã, entre outros   SOBRE A MAQUETE Com quase 1 metro de altura, cerca de 30 m², mais de uma tonelada e meia e com 947 mil peças, a LEGO® montou a sua maior construção já realizada para a América Latina, reproduzindo em blocos 25 ícones do Rio de Janeiro, escolhidos em conjunto com a Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Empresa Olímpica Municipal (EOM) em 2016.   Foi a primeira vez que uma construção desse tipo demandou esforços de três equipes de diferentes fábricas da LEGO de forma simultânea, localizadas nos Estados Unidos, Dinamarca e República Tcheca. Foram necessárias mais de 50 pessoas no projeto, comandado pelos Master Builders, designers especializados na criação de esculturas com os blocos da marca.   Durante os Jogos de 2016, a maquete recebeu mais de 85 mil pessoas de diversas nacionalidades e idades, com uma grande presença de famílias inteiras, que a visitaram no Boulevard Olímpico, local onde ficou exposta.   Os 25 ícones representados na maquete de LEGO da cidade do Rio de Janeiro: 1. Cristo Redentor 2. Pão de Açúcar 3. Copacabana Palace 4. Calçadão de Copacabana 5. Arpoador 6. Calçadão de Ipanema 7. Lagoa Rodrigo de Freitas 8. Jardim Botânico 9. Floresta da Tijuca 10. Morro Dois Irmãos 11. Pedra da Gávea 12. Parque Olímpico do Rio 13. Parque Radical 14. Parque Madureira 15. Estádio Olímpico Nilton Santos (conhecido popularmente por Engenhão) 16. Igreja da Penha 17. Avenida Brasil / BRT 18. Estádio do Maracanã 19.  Sambódromo da Marquês de Sapucaí 20. Praça Mauá 21. Arcos da Lapa 22. VLT 23. Aterro do Flamengo 24. Comunidade Dona Marta 25. Catedral Metropolitana   Sobre o Grupo LEGO® O Grupo LEGO® é uma empresa privada com sede em Billund, na Dinamarca, e tem atuação em mais de 140 países. Fundada em 1932, a empresa é de propriedade da família Kirk Kristiansen e, baseada nos blocos da marca, é uma das principais fabricantes mundiais em brinquedos de montar.   AGENDAMENTO ESCOLAR: Favor entrar em contato pelo e-mail saladeleitura.fca@gmail.com  ou pelo telefone 3325-0448 ENTRADA GRATUITA   [+] saiba mais Cursos 01/01 a 31/12 Cursos e Workshops MEDITAÇÃO   MEDITAÇÃO E DEEKSHA | Janeiro a Dezembro Data: 09/01 a 18/12 Horário: Quarta - 19h30 Classificação Etária: Livre Local: Sala de Ensaio 1 Saiba Mais         MÚSICA   IN CONCERT | ESCOLA DE MÚSICA DA ASSOCIAÇÃO DE AMIGOS DA CIDADE DAS ARTES  Data: 07/01 a 20/12 Horário: Instrumentos | Segunda a Sexta - 10h às 19h  |  Canto Coral | Terças - 19h às 21h Classificação Etária: Livre Local: Sala de Música Saiba Mais         TEATRO   CURSO DE TEATRO MUSICAL M&B | Abril a Junho Data: 01/04 a 26/06 Horário: Segundas, Terças e Quartas - 17h às 20h  Classificação Etária: 16 Anos Local: Sala de Ensaio 3 Saiba Mais         OFICINA   OFICINA DE PERCUSSÃO DU RIO Data: 02/05 a 19/12 Horário: Quintas - 19h45 às 21h45  Classificação Etária: 12 Anos Local: Sala de Ensaio 1 Saiba Mais         FOTOGRAFIA   CURSO BÁSICO DE FOTOGRAFIA COM ARIEL SUBIRÁ | NOVA TURMA Data: 14/05 a 30/07 Horário: Terças - 19 às 21h Classificação Etária: 14 Anos Local: Sala de Leitura Saiba Mais [+] saiba mais Atividades gratuitas 02/01 a 31/12 Arte e Conhecimento POCKET SHOW DE PERCUSSÃO E ATIVIDADES DIDÁTICAS   TURMINHA DO PACO NA CIDADE DAS ARTES   Data: 29/06 Horário: Sábado - 14h30 Classificação Etária: Livre Local: Sala de Leitura Saiba Mais         LANÇAMENTO DE LIVRO   LANÇAMENTO DO LIVRO RETICÊNCIAS DE AMANDA WEAVER 6º EDIÇÃO DO SHOW MÚSICA & LITERATURA Data: 29/06 (Sábado) Horário: 17h30 - Início do evento | 18h - Bate papo com Amanda Weaver | 18h15 - Sessão de autógrafos | 19h - Show voz e piano "Divas do Pop" | 20h - Bate-papo com Amanda Weaver | 19h - Show voz e piano “Divas do Pop” | 20h - Sessão de autógrafos. Classificação Etária: Livre Local: Sala de Leitura Saiba Mais       LIVRO MAICOM - O ROBÔ DE RAFAEL | LANÇAMENTO E CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS  Data: 30/06 Horário: Domingo - 15h Classificação Etária: Livre Local: Sala de Leitura Saiba Mais         LANÇAMENTO DO LIVRO CONSTRUA A SUA SORTE​  Data: 06/07 Horário: Sábado - 18h às 20h Classificação Etária: Livre Local: Sala de Leitura Saiba Mais   OFICINA   Oficina de Teatro para não atores e curioso Data: 19/06. 26/06 e 03/07  Horário: Quarta - 16h30 às 18h Classificação Etária: Livre Local: Sala de Leitura Saiba Mais           LAZER   YOGA EM FAMÍLIA Data: 06/07  Horário: Sábado - 10h30 Classificação Etária: Livre Local: Esplanada Saiba Mais         PSICANÁLISE E LITERATURA   PROJETO LÍNGUA  VIVA | ENUNCIAÇÃO POÉTICA Data: 10/07  Horário: Quarta - 18h às 20h Classificação Etária: Livre Local: Sala de leitura Saiba Mais [+] saiba mais