Fundação Cidade das Artes

Programação » Linha Tênue - Transtornos da Mente

Evento Encerrado

Linha Tênue - Transtornos da Mente



Série documental LINHA TÊNUE - OS TRANSTORNOS DA MENTE apresenta a exposição

“Emoções Desenhadas - Uma Luz no Fim do Túnel”, na Cidade das Artes

                         

"Se a boca se cala, falam as pontas dos dedos", Sigmund Freud.

 

A partir desta sexta-feira, 06 de novembro, às 16h, a Cidade das Artes inicia a programação da exposição “Emoções Desenhadas”, com palestras sobre saúde mental, exposição de quadros e a exibição da série LINHA TÊNUE, dirigida pelo cineasta Anderson Corrêa. A série documental aborda, em dez episódios, temas como depressão, dependência química, ansiedade, transtornos de humor e compulsão sexual. 

 

A abordagem de temas tão complexos se dá a partir de entrevistas com profissionais da Universidade de São Paulo (USP), de clínicas particulares, com o Instituto Municipal Psiquiátrico Nise da Silveira e depoentes que buscaram tratamento – é o caso da atriz e modelo Núbia Oliver, do baixista Rodrigo Santos (ex-Barão Vermelho), da atriz Cláudia Lira e de Edson Antunes, depoente do episódio “Transtorno da Personalidade”, que assina a exposição.

 

Paciente do Instituto Municipal Nise da Silveira desde 2007, onde chegou de camisa de força, Edson fala sobre seu processo de cura por meio da pintura e das artes e como fez das cores, o bálsamo para suas dores e sombras inconscientes. Seus quadros foram surgindo com a inspiração de etapas de sua vida antes, durante e depois do tratamento.

 

“Linha Tênue” e “Emoções Desenhadas” propõem refletir os estigmas que ainda incidem sobre o tema da saúde mental.  É urgente derrubar muros, e se  desfazer de estereótipos limitantes. A ideia do evento é dar visibilidade a histórias de superação e inclusão social, por meio da arte-cultura.

 

As telas de Edson Antunes refletem como a arte, no campo da saúde mental, produz uma ruptura com o antigo sistema manicomial e como a reforma psiquiátrica desperta uma nova expressão de vida, apoio e acolhimento, ao contrário da cultura do desprezo.

 

Durante o mês de novembro, os visitantes poderão acompanhar a exibição do documentário sempre às sextas-feiras, às 16h, na Sala de Leitura da Cidade das Artes. Já a exposição, estará aberta de terça à sexta, das 10h às 18h. 

 

No sábado, 28 de novembro, dentro do evento FAIR SATURDAY, teremos um bate-papo presencial com o empresário dos famosos, Marcus Montenegro, a psicanalista Maria Zilda, o diretor da série Anderson Corrêa, a jornalista, produtora da série e da exposição Savana Figueiredo, o artista plástico Edson Antunes e a diretora-geral do Instituto Nise da Silveira, Erika Pontes.

 

Abrindo o evento, os palestrantes irão conduzir um bate-papo sobre Saúde Mental e Expressão Cultural – o sujeito como protagonista da sua história, por meio das redes sociais da Cidade das Artes, nesta sexta (06), a partir das 16h.

 

 

CRONOGRAMA

LIVE DE INAUGURAÇÃO

06 DE NOVEMBRO | 16H 

Bate-papo no Facebook

Convidados: 

Maria Zilda, psicanalista 

Anderson Corrêa, diretor da série  

Savana Figueiredo, jornalista e produtora  

Edson Antunes, artista plástico

Erika Pontes, diretora do Instituto Nise da Silveira 

 

 

EXIBIÇÕES

06 DE NOVEMBRO | 16H 

EPISÓDIO 01: Transtorno Alimentar

Depoente do episódio: Cláudia Lira, atriz

 

EPISÓDIO 02: Transtorno de Humor (Bipolar /Borderline)

 

 

13 DE NOVEMBRO | 16H 

EPISÓDIO 03: Compulsão Sexual

EPISÓDIO 04: TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo)

 

20 DE NOVEMBRO | 16H 

EPISÓDIO 05: Transtorno de Personalidade (Psicopatia e Sociopatia)

EPISÓDIO 06: Transtorno de Hábitos (Tricotilomania/Cleptomania)

 

27 DE NOVEMBRO | 16H 

EPISÓDIO 07: Dependência Química (Álcool e Drogas) 

Depoente: Rodrigo Santos, músico

 

EPISÓDIOS 08: Transtorno de Ansiedade (Síndrome do Pânico)

 

 

BATE-PAPO 

28 DE NOVEMBRO | 15H

EVENTO FAIR SATURDAY - PRESENCIAL

16h - EPISÓDIO 09: Depressão 

Depoente: Núbia Oliver, atriz e modelo

 

EPISÓDIO 10: Transtorno Delirante (Esquizofrenia e Delírio)

Depoente: Edson Antunes, artista plástico

 

 

CONVIDADOS

Marcus Montenegro, produtor e empresário há 26 anos no ramo artístico, ex-sócio da Montenegro e Raman, atualmente CEO da Montenegro Talents, maior escritório de desenvolvimento e agenciamento de artistas (autores, atores e escritores). No bate-papo, Marcus é convidado a falar sobre a estrutura emocional do artista, como se manter saudável e enfrentar a fama ou a falta dela. Recentemente, lançou o livro “Ser Artista - A Arte Salva, Cura, Educa e Resiste”.

 

Maria Zilda, psicanalista, coordenadora de conteúdo da série “Linha Tênue”, recentemente exibida pela Discovery Channel. Acumula há três décadas uma vasta experiência com o sofrimento da alma humana. Graduada em psicologia pela UFRJ, mantém uma trajetória dedicada ao lado escuro da mente, apoiada pelo  pensamento freudiano.

 

Savana Figueiredo, jornalista, assessora de imprensa e produtora, criou e produziu o evento. Consteladora familiar, reikiana e terapeuta floral, entende que, segundo o pensamento sistêmico, tudo e todos fazem parte. Toda doença tem uma raiz nas emoções disfuncionais. Defende a arteterapia como ferramenta para entender o inconsciente.

 

Edson Antunes, artista plástico, paciente do Instituto Psiquiátrico Nise da Silveira desde 2007, onde ficou internado por uma semana na camisa de forças. Seu primeiro contato com a arte foi no CAPSad Raul Seixas, em 2004, quando iniciou a terapia. No entanto, foi no Museu do Inconsciente, no Instituto Psiquiátrico, que descobriu seu dom criativo. Ele fala como a arteterapia o ajudou na aceitação do diagnóstico e trouxe, depois de muitas tentativas de suicídio, o prazer de viver.

 

Anderson Corrêa, criador e diretor da série “Linha Tênue”, com dezesseis anos de experiência no audiovisual. Dirigiu diversos curtas, entre eles a comédia “Mais que 1 Amor”, com Fabiana Karla; o drama “Interrupção” e o documentário “No Coração de Copacabana”.  Fez sua estreia como diretor em 2009 no Festival do RIO, com o longa metragem  “FLORDELIS - Basta Uma Palavra Pra Mudar”, um filme beneficente do autor Marco Ferraz. Trabalhou como assistente de direção da série “Na Mira do Crime”, para o canal FOX. Dirigiu a segunda temporada da série “Investigação Criminal”, produzida para o canal A&E, e dirigiu a série de suspense “Muito Além do Medo”. Trabalhou como diretor assistente do BBB18, como parte de criação e conteúdo.

 

Arte e Conhecimento

Informações Gerais

Datas

06/11 a 28/11

Horários

EXIBIÇÕES DOS FILMES

Toda sexta às 16h

 

EXPOSIÇÃO

Terça a sexta - 10h às 18h

Local

Cidade das Artes

Sala

Sala de Leitura

Classificação Etária

14 Anos

Demais Eventos da Programação

Maquete de LEGO® do Rio de Janeiro I Exposição Permanente 01/01 a 27/12 Artes Visuais LEGO® doa ao Rio de Janeiro a maquete feita com 947 mil peças A maquete do Rio de Janeiro feita totalmente em LEGO foi construída para homenagear de forma criativa e inusitada a cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016 e ficará exposta permanentemente na Cidade das Artes como legado cultural.   A construção destaca os 25 importantes ícones da cidade como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, os Arcos da Lapa, o Maracanã, entre outros.   SOBRE A MAQUETE Com quase 1 metro de altura, cerca de 30 m², mais de uma tonelada e meia e com 947 mil peças, a LEGO® montou a sua maior construção já realizada para a América Latina, reproduzindo em blocos 25 ícones do Rio de Janeiro, escolhidos em conjunto com a Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Empresa Olímpica Municipal (EOM) em 2016.   Foi a primeira vez que uma construção desse tipo demandou esforços de três equipes de diferentes fábricas da LEGO de forma simultânea, localizadas nos Estados Unidos, Dinamarca e República Tcheca. Foram necessárias mais de 50 pessoas no projeto, comandado pelos Master Builders, designers especializados na criação de esculturas com os blocos da marca.   Durante os Jogos de 2016, a maquete recebeu mais de 85 mil pessoas de diversas nacionalidades e idades, com uma grande presença de famílias inteiras, que a visitaram no Boulevard Olímpico, local onde ficou exposta.   Os 25 ícones representados na maquete de LEGO da cidade do Rio de Janeiro: 1. Cristo Redentor 2. Pão de Açúcar 3. Copacabana Palace 4. Calçadão de Copacabana 5. Arpoador 6. Calçadão de Ipanema 7. Lagoa Rodrigo de Freitas 8. Jardim Botânico 9. Floresta da Tijuca 10. Morro Dois Irmãos 11. Pedra da Gávea 12. Parque Olímpico do Rio 13. Parque Radical 14. Parque Madureira 15. Estádio Olímpico Nilton Santos (conhecido popularmente por Engenhão) 16. Igreja da Penha 17. Avenida Brasil / BRT 18. Estádio do Maracanã 19.  Sambódromo da Marquês de Sapucaí 20. Praça Mauá 21. Arcos da Lapa 22. VLT 23. Aterro do Flamengo 24. Comunidade Dona Marta 25. Catedral Metropolitana   Sobre o Grupo LEGO® O Grupo LEGO® é uma empresa privada com sede em Billund, na Dinamarca, e tem atuação em mais de 140 países. Fundada em 1932, a empresa é de propriedade da família Kirk Kristiansen e, baseada nos blocos da marca, é uma das principais fabricantes mundiais em brinquedos de montar. Medidas de Segurança    Serão adotados todos os protocolos de segurança necessários ao controle da Covid-19, como o uso obrigatório de máscaras e álcool gel, medição de temperatura e controle da quantidade de pessoas no ambiente.    ENTRADA GRATUITA   [+] saiba mais Sushi das Artes 05/08 a 30/03 Outros O primeiro restaurante cabine do Brasil na Cidade das Artes A empresa carioca Qbaar criou o primeiro restaurante cabine da Cidade Maravilhosa, que tem como sócia-embaixadora a apresentadora da TV Globo, Fernanda Gentil. O Sushi das Artes está montado na área externa da Cidade das Artes e totalmente adaptado ao chamado “novo normal”. Os clientes poderão fazer reservas pelo aplicativo Get In (IOS e Android), ou ir diretamente ao local, normalmente (sujeito a fila de espera). A segurança dos clientes foi colocada em primeiro lugar. O projeto conta com 30 “casinhas” com armação de madeira e paredes e teto de acrílico transparente, que estarão à beira de um lago com velas ao redor e uma área de muito verde com aproximadamente 3.000 m², no coração de um dos bairros mais atrativos da cidade. Dentro de cada cabine caberão quatro pessoas no máximo, sendo todos da mesma família. Para ir ao banheiro, o cliente será transportado em carrinho de golfe individualmente. “Sou amiga há muitos anos do Felipe (Palermo), um dos criadores do projeto. Quando ele me apresentou toda a ideia e, principalmente, o propósito de trazer para o público carioca uma opção segura de entretenimento num momento de tanta tristeza, isso fez sentido para mim. Por isso resolvi abraçar a ideia e estou muito feliz com todo o andamento. Foi feito um processo rigoroso na escolha dos profissionais de todas as áreas do projeto, para que tudo desse certo e atendesse às expectativas. Pessoas maravilhosas estão se doando ao máximo para que haja muita segurança, conforto, qualidade e o local tenha um charme sem igual no Rio de Janeiro”, disse Fernanda Gentil. Outra novidade que o Sushi das Artes tem uma plataforma exclusiva para os clientes fazerem seus pedidos. O local não terá garçons, somente cumins, que levarão às cabines as comidas e bebidas solicitadas pelo aplicativo da Rappi, parceiro comercial do empreendimento. “A Rappi tem por missão facilitar a vida dos seus usuários e nada melhor do que, em parceria com o Sushi das Artes, proporcionar momentos de descontração, com segurança e proteção para população carioca. Ficamos muito satisfeitos por fazer parte desse empreendimento inovador”, afirma Sérgio Saraiva, presidente da Rappi no Brasil. O cardápio está sob responsabilidade do chef Maciel Paiva, que irá trabalhar dentro de um contêiner customizado na parte central do terreno. Todo o projeto foi desenvolvido pela empresa Qbaar e conta com a parceria da Fundacão Cidade das Artes, o maior complexo cultural da América Latina. “A Cidade das Artes está sempre aberta para grandes ideias e parcerias, que levem ao público carioca um momento de descontração. Shows, eventos de arte, gastronomia e, agora, durante esse período delicado em que vivemos, abrimos espaço para que o nosso equipamento seja o maior complexo de entretenimento seguro do Rio de Janeiro. Como é o caso do Drive-in das Artes, que vem sendo um sucesso. Certamente o Sushi das Artes também será”, espera Renata Monteiro, presidente da Fundação Cidade das Artes, corroborando a opinião de um dos criadores do projeto, o empresário Marcelo Toth. “Eu e meus sócios somos empresários ligados ao ramo de entretenimento e eventos. Quando começou essa pandemia, percebemos que não era momento para ficarmos lamentando e sim elaborar projetos relevantes para o público carioca. Atento às inovações ao redor do mundo, vimos algo realmente muito interessante que aconteceu na Holanda e nos inspiramos nisso para fazer o Sushi das Artes. O projeto ficou lindo, extremamente seguro para a saúde de todos e com grandes parceiros que engrandeceram ainda mais o empreendimento”. “Stella acredita que reunir as pessoas queridas ao redor da mesa é a receita certa para criar momentos especiais. Por isso, mesmo em tempos desafiadores como este pelo qual passamos, estamos trabalhando constantemente para continuar apoiando a gastronomia no Brasil e oferecer experiências diferenciadas ao público, sempre com um toque sofisticadamente simples”, disse Mariana Porto, gerente de marketing de Stella Artois na Ambev. Serviço: Local: Cidade das Artes (Av. das Américas, 5300 - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro-RJ) Reservas online: aplicativo Get In Estacionamento: pago no local   [+] saiba mais DIADELAS | Programa Cultural em comemoração ao Dia Internacional da Mulher 05/03 a 06/03 Arte e Conhecimento O setor de Arte e Conhecimento da Cidade das Artes e a rede #Mulheresinrio promovem a programação cultural em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Mulheres in Rio é uma rede de mulheres especialistas que voluntariamente colaboram para o fortalecimento do Empreendedorismo Feminino. “ De coração para coração “ é o seu lema. Fundada por mulheres, para apoiar outras mulheres empreendedoras, em busca de: conhecimento, educação, arte, cultura, música, poesia, dança, moda, design, cuidados, entretenimento, turismo, cidadania e inclusão, direitos em defesa à mulher, saúde, alimentação saudável, terapias, beleza, bem-estar, empreendedorismo, networking e sustentabilidade. A rede tem como missão, criar soluções on-line e off-line para apoiar e potencializar projetos e negócios ligados ao empreendedorismo feminino. A visão é direcionar estratégias de empoderamento, igualdade de gênero e equidade social, convergentes à Agenda 2030 da ONU Mulheres. Os principais valores são pautados no cooperativismo feminino, responsabilidade social, desenvolvimento sustentável, humanismo, ética, inovação e empreendedorismo. Participam da rede, mulheres economicamente ativas nos estágios de: - Micro, pequeno ou médio negócio; -  Mulheres que desejam iniciar um negócio e começar a empreender. Mulheres in Rio está presente em todas as redes sociais e para ingressar, a candidatura é 100% gratuita através do site www.mulheresinrio.com.br [+] saiba mais Interlocuções: Psicanálise e Literatura 05/03 a 10/12 Arte e Conhecimento Projeto Interlocuções | O que diz a Psicanálise sobre as mulheres Sobre o Projeto Interlocuções: Há seis anos a psicanalista Gilda Pitombo Mesquita, desenvolve o projeto “Interlocuções: Psicanálise e Literatura”, dentro da Cidade das Artes com a finalidade de dialogar com os outros saberes e transmitir a Psicanálise para quem desejar. Nomes que já passaram pelo projeto: Elisabeth da Rocha Miranda, Marli Bastos, Sandra Edler, Deonísio da Silva, Alexandre B. Balbi, Denise Erse Andrade, Conceição Rios, Adriana Bastos. Temas já abordados: “Literatura e Psicanálise”, “Hamlet e a Melancolia”, “Hamlet e Dom Casmurro”, “O Ciúme em Proust”, “O estranho nas meninas de Velázquez”, “Arte do Inconsciente”, “A inquietante estranheza nos contos fantásticos”. [+] saiba mais Beethoven Fest 2021 | Concerto 06/03 a 27/03 Música Ministério do Turismo e Innospec apresentam   Beethoven Fest    06/03 – 19h Orquestra Sinfônica Jovem do Rio de Janeiro Nivaldo Tavares, piano Mario Barcelos, regência Beethoven nasceu há 250 anos, mas sua música continua encantando, emocionando e divertindo as plateias até o dia de hoje. E é para celebrar a obra de um dos maiores gênios da música clássica que apresentamos o "Beethoven Fest", um festival totalmente dedicado ao compositor alemão! Inspirado nos grandes festivais europeus, o "Beethoven Fest" combina importantes orquestras, brilhantes solistas nacionais e internacionais, grandes maestros e programas instigantes, tudo isso em um formato dinâmico e divertido, proporcionando ao público um emocionante mergulho na obra do mestre de Bonn. Para a abertura do Festival, receberemos a Orquestra Sinfônica Jovem do Rio de Janeiro. O conjunto já se apresentou nos mais importantes espaços culturais do cenário musical e agora retorna à Cidade das Artes para este concerto especial. O elogiado maestro Mario Barcelos assume a regência da orquestra, que recebe também o pianista Nivaldo Tavares, estrela do piano brasileiro. O programa destaca a faceta divertida e bem-humorada do compositor alemão e traz duas obras bastante calorosas: o Concerto para Piano No. 1, (1797) e a Sinfonia No. 1 (1800). Programa Ludwig van Beethoven Concerto para Piano No. 1, Op. 15 I. Allegro con brio II. Largo III. Rondo: Allegro scherzando [intervalo] Ludwig van Beethoven Sinfonia No. 1, em Dó Maior, Op. 21 I. Adagio molto –Allegro con brio II. Andante cantabile- con moto III. Menuetto – Allegro molto e vivace IV. Finale – Adagio, allegro molto e vivace   13/03 – 19h  Orquestra Rio Sinfônica Nivaldo Tavares, piano Osvaldo Ferreira, regência O solista da noite é Nivaldo Tavares, um dos nomes estelares do piano brasileiro. Elogiado por artistas como Martha Argerich e Robert Groslot, o pianista já se apresentou em importantes festivais e salas de concertos na Europa, Estados Unidos e Brasil, ao lado de importantes orquestras nacionais e estrangeiras. Seu virtuosismo imaginativo e poderoso já lhe rendeu a admiração de Nelson Freire, que o considera "uma das grandes revelações da nova geração". A regência, por sua vez, fica por conta do português Osvaldo Ferreira, que já conduziu mais de 600 concertos, cerca de 70 apresentações de óperas e bailados e ainda a apresentação integral das Missas e do Requiem de Mozart em 2007. Da sua extensa carreira, destaca-se o trabalho realizado à frente de orquestras como a Orquestra Filarmônica de S. Petersburgo, a Orquestra Sinfônica de Roma e a Orquestra Sinfônica de Nuremberg. Programa Ludwig van Beethoven Concerto para Piano No. 5, Op. 73,  "Imperador" I. Allegro II. Adagio un poco mosso III. Rondo [intervalo] Ludwig van Beethoven Sinfonia No. 6, em Fá Maior, Op. 68, "Pastoral" I. Allegro ma non troppo: Despertar de sentimentos alegres diante da chegada ao campo II. Andante molto mosso: Cena à beira de um regato III. Allegro - Dança campestre IV. Allegro - A tempestade V. Allegretto - Hino de ação de graças dos pastores, após a tempestade 20/03 – 19h Orquestra Rio Sinfônica Eduardo Monteiro, piano Tobias Volkmann, regência Para interpretar o 3º Concerto para Piano e Orquestra de Beethoven, teremos o pianista Eduardo Monteiro. Considerado um dos maiores expoentes do cenário pianístico brasileiro, o carioca teve seu talento reconhecido internacionalmente desde jovem. Em 1989 recebeu, por unanimidade, o 1º lugar no Concurso Internacional de Piano de Colônia, Alemanha, além do prêmio de melhor intérprete de Beethoven. Foi laureado, também, nos concursos de Dublin, em 1991 e Santander, em 1992. Além de concertista mundialmente reconhecido, Eduardo é vice-diretor da Escola de Comunicações e Artes da USP, onde leciona piano no Departamento de Música. Duas premiações no Concurso Internacional de Regência Jorma Panula 2012 e o prêmio no Concurso Carlos Gomes confirmam a excelência e individualidade do maestro gaúcho Tobias Volkmann. O regente, que já teve a oportunidade de aprender com ninguém menos que Kurt Masur, vem desenvolvendo uma carreira de sucesso no Brasil e no exterior. Programa Ludwig van Beethoven Concerto  para Piano No. 3 Op. 37 I. Allegro con brio II. Largo III. Rondo: Allegro [intervalo] Ludwig van Beethoven Sinfonia No.7, em Lá Maior, Op. 92 I. Poco sostenuto – Vivace II. Allegretto III. Presto – Assai meno presto IV. Allegro con brio   27/03 –19h Orquestra Rio Sinfônica Karin Lechner, piano Ana de Oliveira, violino Hugo Pilger, violoncelo Mario Barcelos, regência Programa Ludwig van Beethoven Concerto Tríplice, em Dó Maior, Op. 56 I. Allegro II. Largo (attacca) III. Rondo alla polacca [intervalo] Ludwig van Beethoven Sinfonia No.5, em Dó Menor, Op. 67 I. Allegro con brio II. Andante con moto III. Scherzo – Allegro IV. Allegro – Presto O Concerto Tríplice, Opus 56, que integra a primeira parte do último concerto do Beethoven Fest, demanda nada menos do que 3 solistas. E o time que foi formado para a ocasião é mais que especial. A pianista argentina Karin Lechner assume o piano, enquanto os brasileiros Ana de Oliveira e Hugo Pilger são, respectivamente, a violinista e o violoncelista convidados. A regência do concerto, que traz ainda a famosa Sinfonia No. 5, terá a regência do maestro Mario Barcelos, que vem realizando um respeitável trabalho à frente da Orquestra Rio Sinfônica. Karin Lechner nasceu em Buenos Aires, Argentina, mas passou a maior parte de sua juventude em Caracas. Fez sua primeira aparição pública aos cinco anos de idade e sua estreia com a orquestra aos 11. Mudou-se para a Europa, foi orientada por Maria Curcio e Pierre Sancan e desde então empreendeu uma carreira internacional ativa, tendo se apresentado em diversos países da Europa e América Latina. Ana de Oliveira é uma das mais talentosas e carismáticas violinistas da atualidade. Com longa carreira como camerista e spalla em orquestras nacionais e internacionais e integrante do renomado Trio Puelli, a paulistana lançou recentemente seu primeiro CD de violino solo, “Dragão dos Olhos Amarelos”, e o livro “O Violino na Música Contemporânea Brasileira – um manual de técnica estendidas”. Doutor em Música pela UNIRIO, Hugo Pilger já se apresentou como solista à frente de várias orquestras, como a Orquestra Sinfônica Brasileira, Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, a Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba  e a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre. Dono de uma instigante discografia, Pilger lançou em 2020 o elogiado álbum “Claudio Santoro: a obra integral para violoncelo e piano”, ao lado do pianista Ney Fialkow.   Facebook: https://www.facebook.com/festivalbeethoven Instagram: https://www.instagram.com/beethoven.fest/   [+] saiba mais