Fundação Cidade das Artes

Programação » Gisberta | Teatro

Evento Encerrado

Gisberta | Teatro



“Gisberta”, com Luis Lobianco, em três únicas apresentações na Cidade das Artes

 

O espetáculo mistura política, história, música, teatro, humor, poesia e ficção para falar de Gisberta

Na TV Globo, Luis Lobianco faz sua estreia em novelas como a "Segundo Sol", no Canal Gloob o ator está no elenco da série infantil “Os Valentins” e na sexta temporada do humorístico “Vai que cola”, no Multishow. No cinema é protagonista do longa-metragem “Carlão e Carlinhos” de Pedro Amorim, ainda sem data de lançamento. Luis Lobianco é também criador dos espetáculos do Buraco da Lacraia, Rival Rebolado e Portátil

A Cidade das Artes recebe Gisberta, nos dias 12,13 e 14 de outubro, o espetáculo “Gisberta, drama musical estrelado por Luis Lobianco, que conta a história ainda pouco conhecida de Gisberta, brasileira vítima da transfobia que teve morte trágica em 2006, na cidade do Porto.

 

Idealizado por ator Luis Lobianco, com direção de produção de Claudia Marques, texto de Rafael Souza-Ribeiro e direção de Renato Carrera, o espetáculo mistura política, história, música, teatro, humor, poesia e ficção para falar de Gisberta, brasileira vítima da transfobia que teve morte trágica em 2006, na cidade do Porto, em Portugal. Gisberta atravessou o oceano para buscar um território livre, mas morreu no fundo do poço, afogada em ódio e água. Na ocasião o caso ganhou destaque nas discussões sobre a transfobia em Portugal e Gisberta se tornou (e até hoje é) ícone na luta pela conscientização para uma erradicação dos crimes de ódio contra gays, lésbicas e transexuais. Em 2016, dez anos após a sua morte, Gisberta foi amplamente lembrada em Portugal por meio de inúmeras reportagens. Recentemente, em 14 de fevereiro de 2017, Gisberta deu nome ao primeiro centro de apoio a população LGBT do norte de Portugal, “Centro Gis”, em Matosinhos, distrito do Porto.

 

“Já o Brasil, na contramão, é um dos países que mais comete crimes de transfobia e homofobia, números que não param de crescer junto com uma onda conservadora de intolerância com as diferenças. Se não conseguimos mudar as leis que não nos protegem, que a justiça seja feita no teatro, com música e luzes de Cabaré. Que venham as identidades de humor, gênero, drama, música, tragédia e redenção. O caso de Gisberta não é conhecido por aqui e decidi que Gisberta vai reviver a partir da arte e será amada pelo público.” – afirma Luis Lobianco

 

Para contar a história de Gisberta, que é praticamente desconhecida no Brasil e que é também a história de tantas outras vítimas da transfobia, Luis Lobianco interpreta vários personagens com texto concebido a partir de relatos obtidos em contatos pessoais com a família de Gis, do processo judicial, de visitas ao local da tragédia e por onde Gisberta passou. De forma muito delicada, a peça transita entre dois gêneros: o humor, pois Gisberta era uma pessoa muito alegre e divertida, e o drama. Em cena, três músicos acompanham o ator: Lúcio Zandonadi (piano e voz), Danielly Sousa (flauta e voz), Rafael Bezerra (clarineta e voz).

 

“Gisberta não está em cena, o Luis Lobianco não interpreta a Gis, mas nós chegamos bem perto dela.” – afirma o diretor Renato Carrera

 

“Eu sou em cena o contador da história de Gisberta. Para que o público sinta a sua presença e ausência uso todos os recursos que posso para criar empatia a ponto de tê-la como alguém muito íntima, uma amiga querida.” – conclui Luis Lobianco

 

Uma breve história de Gisberta

 

Caçula de uma família com oito filhos, nascida e moradora do bairro Casa Verde, em São Paulo, ainda na infância Gisberta dava sinais de que estava num corpo que não correspondia à sua identidade. Após a morte do pai, deixou os cabelos crescerem definitivamente. Em 1979, aos 18 anos, quando suas amigas morriam assassinadas, na capital paulista, com medo de ser a próxima vítima, deixou o Brasil rumo a Paris. Mais tarde, já depois de realizar tratamento hormonal e fazer implante de silicone nos seios, mudou-se para o Porto, no Norte de Portugal. Muito alegre e divertida, rapidamente enturmou-se na cena gay local. Fazia apresentações em bares e boates. Por 10 anos foi a estrela brasileira da noite portuense. Sem muito jeito com qualquer tipo de liberdade viveu tudo o que nunca experimentou de forma voraz: cantou de Vanusa a Marilyn, bebeu, fumou, cheirou, amou e adoeceu no cabaré. Foi muito feliz, tinha muitos amigos e admiradores. Poupava energia para as cartas e fotos que mandava para a família, queria garantir que estava segura. Um dia os seus dois cães fugiram de casa e foram atropelados na sua frente. Gis definhou de depressão e Aids. Perdeu os cabelos conquistados e o visto de imigrante, passou a vestir trapos sem gênero e foi morar na rua. Num prédio abandonado foi encontrada, no final de 2005, por um grupo de 3 meninos mantidos pela Oficina de São José, uma instituição religiosa da vizinhança. No início as crianças ofereceram comida e agasalho, mas a lógica do grupo se converteu em um ódio súbito e inexplicável quando outros 11 meninos se juntaram ao grupo inicial. A partir de 15 de fevereiro de 2006, Gisberta sofreu vários dias de tortura e finalmente, acreditando que ela estava morta, foi jogada ainda com vida dentro de um poço cheio de água. Conclusão do processo: morte por afogamento. Gis, como ela gostava de ser chamada, já vivia sufocada, sua morte foi síntese da sua vida – culpa do ódio e não da água.

 

“O mundo passa por uma grande crise de identidade: o que somos essencialmente e onde podemos viver o que somos? Refugiados podem ser inteiros fora de seus territórios sem inspirarem ameaça? Há liberdade para identidade de gênero mesmo que se tenha nascido em um corpo de outro sexo? Gays podem se amar sem exposição à violência? A reação para o rompimento com padrões sociais é uma explosão de violência cotidiana sem precedentes. Quanto mais ódio, mais a afirmação da identidade se impõe. No ar a sensação de um grande embate mundial iminente - não tem mais como se esconder no armário. Ser livre ou servir à intolerância: eis a questão.” – comenta Lobianco

 

Trajetória do espetáculo “Gisberta”

 

“Gisberta” estreou nacionalmente no dia 1º de março de 2017, no CCBB Rio de Janeiro, onde permaneceu em cartaz até 30 de abril. Em junho fez temporada no Teatro Dulcina, casa histórica no corredor cultural da Cinelândia, Centro do Rio. Em novembro de 2017 fez temporada no CCBB Brasília e em janeiro de 2018 no CCBB Belo Horizonte, em abril de 2018 Gisberta fez parte das comemora. Ainda em 2018 fará temporada em São Paulo e em 2019 fará temporadas em Lisboa e Porto.

 

Luis Lobianco, ator de teatro, cinema, TV e internet

 

Nascido no Rio de Janeiro, Luis Lobianco faz teatro desde 1994. Em 2012, se formou na CAL e foi dirigido por nomes, como: Aderbal Freire-Filho, Moacyr Chaves, Marcelo Saback e Ruy Faria; atuando em mais de 30 montagens teatrais até hoje. Também foi criador dos espetáculos do Buraco da Lacraia, Rival Rebolado e Portátil, todos em cartaz atualmente. Lobianco também é ator fixo do canal Porta dos Fundos desde sua criação há quatro anos. No cinema já esteve em dez produções entre 2012 e 2017. Lobianco foi indicado ao prêmio F5 da Folha de São Paulo por seu trabalho para TV, como o protagonista de “O Grande Gonzalez”, coprodução da FOX com o Porta dos Fundos. Em 2018: É protagonista do longa-metragem “Carlão e Carlinhos”, de Pedro Amorim, ainda sem data confirmada. Está na segunda temporada da série infantil “Os Valentins”, do canal Gloob, que estreia dia 12 de março, interpretando o vilão Randolfo, ao lado de Claudia Abreu, Guilherme Weber e Guida Vianna. Está na sexta temporada do “Vai que cola”, do Multishow. Na TV Globo está em cartaz com o personagem Clóvis em “O Segundo Sol” marcando sua estreia em novelas.

 

“O Buraco da Lacraia é um projeto que mudou minha vida. Uma ocupação teatral que desenvolve uma linguagem artística completamente nova, diferente de tudo, e ainda me deu uma família artística! É um projeto artesanal, muito respeitado e o lucro é na alma, não no bolso. É o meu brinquedo preferido mas também uma das coisas mais sérias que fiz na vida.” – comenta Luis Lobianco

 

Ficha técnica

 

Atuação: Luis Lobianco

Texto: Rafael Souza-Ribeiro

Direção: Renato Carrera

Direção de Produção: Claudia Marques

Músicos: Lúcio Zandonadi (piano e voz), Danielly Sousa (flauta e voz), Rafael Bezerra (clarineta e voz)

Pesquisa Dramatúrgica: Luis Lobianco, Renato Carrera e Rafael Souza-Ribeiro

Investigação: Luis Lobianco e Rafael Souza-Ribeiro

Trilha Sonora e músicas compostas: Lúcio Zandonati

Iluminação: Renato Machado

Cenário: Mina Quental

Figurino: Gilda Midani

Preparação Vocal: Simone Mazzer

Direção de Movimento: Marcia Rubin

Assessoria de Imprensa: Ney Motta

Programação Visual: Daniel de Jesus

Fotos de divulgação: Elisa Mendes

Produção e realização: Fabrica de Eventos

Idealização: Luis Lobianco

 

 

Atendimento à Imprensa

Ney Motta | contemporânea comunicação

assessoria de imprensa

21 98718-1965 e 2539-2873

neymotta@gmail.com

Teatro

Informações Gerais

Datas

12/10 a 14/10

Horários

Sexta e Sábado - 21h

Domingo - 19h

 

Preço:

Plateia 1 - Inteira: R$ 80,00

Plateia 1 - Meia : R$ 40,00

 

Plateia 2 - Inteira : R$ 60,00

Plateia 2 - Meia : R$ 30,00

 

Frisa Lateral - Inteira : R$ 60,00

Frisa Lateral - Meia : R$ 30,00

 

Camarote 1 - Inteira : R$ 60,00

Camarote 1 - Meia : R$ 30,00

 

Camarote 2 - Inteira : R$ 40,00

Camarote 2 - Meia : R$ 20,00

 

Galeria Alta - Inteira : R$ 20,00

Galeria Alta - Meia : R$ 10,00

 

Galeria Baixa - Inteira : R$ 30,00

Galeria Baixa - Meia : R$ 15,00

Local

Cidade das Artes

Sala

Grande Sala

Classificação Etária

14 Anos

Em caso de compra de ingresso pelo call center ou pelo site é possível escolher somente o setor que você deseja. O próprio sistema identifica as cadeiras livres no setor escolhido e emite os ingressos referentes aos lugares vagos. Comprando o ingresso diretamente na bilheteria da Cidade das Artes é possível escolher setor e cadeira.

Demais Eventos da Programação

Cursos 01/07 a 31/12 Cursos e Workshops TEATRO   OFICINA DE TEATRO E VÍDEO Data:  05/05 a 06/10 Horários:  Sábado - 10h às 13h Classificação Etária:  9 Anos Local:  Cidade das Artes PREÇOS:  Valor Mensal: R$ 250,00 Saiba Mais DANÇA   CURSO DE DANÇA DE SALÃO Data:  06/09 a 13/12 Horário:  Quinta - 15h Classificação Etária:  Livre Local:  Sala de Dança Para mais informações e inscrições:  TL: 992626639 ou E mail: Eversoncosta@yahoo.com Saiba Mais MÚSICA   ESCOLA DE MÚSICA DA CIDADE DAS ARTES Data:  01/09 a 15/12 Horários:  Os horários dependem do curso desejado. Classificação Etária:  Livre Local:  Cidade das Artes Saiba Mais     OFICINA DE PERCUSSÃO DU RIO  Data:  02/08 a 13/12 Horário:  Quinta-feira  -  19h45 às 21h45  Classificação Etária:  12 Anos Local:   Sala de Ensaio 1 VALOR MENSAL: R$225,00 Saiba Mais   FOTOGRAFIA   CURSO DE FOTOGRAFIA Data:  14/08 a 30/10 Horário:  19h Classificação Etária:  Livre Local:  Sala de Leitura Fotógrafo:  Ariel Subira Inscrições para nova turma:  oficinadefotografiacda@gmail.com PREÇOS: Mensal: R$ 180,00 Saiba Mais     ESPORTE   PURA VIDA TRAINING - BY NIKE RIO  Data:  31/07 a 20/12 Horário:  Segunda a Quinta  -  Manhã 7h às 8h  |  Noite 19h30 às 20h30 Local:  Cidade das Artes GARANTA JÁ A SUA VAGA, CLIQUE AQUI Saiba Mais   [+] saiba mais Atividades gratuitas 01/07 a 31/12 Arte e Educação LIVRO E LEITURA   INTERLOCUÇÕES | PSICANÁLISE E LITERATURA Data:  02/02 a 28/12 Horário:  Sextas à 16h Classificação Etária:  16 Anos Local:  Sala de Leitura Saiba Mais       CONVERSA LITERÁRIA – UM GRANDE SARAU Data:  13/12 Horário:  Quinta às 15h Classificação Etária:  Livre Local:  Sala de Leitura Saiba Mais     EDUCAÇÃO AMBIENTAL   EDUCAÇÃO AMBIENTAL | DESPERTAR AGROECOLÓGICO  Data:  01/08 a 20/12 Horário:   ** Data e Horário a definir no agendamento. ** Classificação Etária:  Livre Local:  Jardim Grupos interessados, favor entrar em contato para agendamento: saladeleitura.fca@gmail.com  ou pelo telefone 3325-044 Saiba Mais     CURSOS, OFICINAS E WORKSHOPS   AULAS DE YOGA Data:  06/06 a 12/12 Horário:  Quartas às 7h30 Classificação Etária:  Livre Local:  Praça Saiba Mais     PROJETO JOVENS MÚSICOS | NOVAS VAGAS Data:  14/08 a 15/12 Horários:   *Turmas às Terças: de 9h às 11h  *Turmas às Quintas: de 9h às 11h Classificação Etária:  10 a 17 anos LOCAL:  Cidade das Artes Para fazer sua inscrição acesse o link: https://goo.gl/forms/KmS6hQamAoRMwN4N2  Informações através do telefone: 3325-0448  Saiba Mais OFICINAS DE ARTE E INCLUSÃO Data:  03/10 a 14/12 Horários: Quarta  –  10h às 13h  10h às 11h20 – Jazz Musical  11h30 às 12h50 - Percussão Sexta  –  10h às 13h  10h às 10h50 – Pedagogia e Psicologia Laboral  11h às 11h50 – Iniciação Musical e Canto Coral 12h às 13h – Dança Cigana Classificação Etária:  14 Anos Local:  Cidade das Artes Para fazer sua inscrição acesse o formulário    Saiba Mais MEDITAÇÃO E DEEKSHA Data:  10/01 a 19/12 Horário:  Quarta às 20h Classificação Etária:  Livre Local:  Cidade das Artes Saiba Mais      OFICINA COLORINDO O ELEFANTE Data:  24/11 Horário:  Sábado às 15h Classificação Etária:  Livre Local:  Cidade das Artes Saiba Mais   [+] saiba mais Reflexos | Exposição 17/10 a 16/12 Artes Visuais Quem somos nós além dos rótulos? Em um dos países onde mais se mata por motivos de discriminação social, racial e de gênero, a quebra de preconceitos é pauta na exposição “Reflexos”, do fotógrafo Eurivaldo Bezerra. Em cartaz do dia 17 de outubro a 10 de dezembro, na Cidade das Artes, na Barra, a mostra gratuita vai contar com 40 fotografias de 20 personagens, trabalhando questões como libertação de estereótipos e exercício de empatia. Uma nova visão sobre o tema. “Cor da pele, estatura, religião, orientação sexual, entre tantos outros, são fatores de exclusão social e violência praticados diariamente. Assim, decidi criar uma exposição onde provoco o questionamento sobre esses pré conceitos, e nada melhor do que a fotografia para emocionar e inspirar”, explica Eurivaldo. A mostra “Reflexos” vai oferecer na abertura em 17 de outubro, às 19:30h na Cidade das Artes, uma palestra com um novo olhar sobre o tema preconceito. Dinâmicas de grupo também serão ministradas para crianças de escolas públicas e abrigos da região, trabalhando a empatia como agente transformador da sociedade. “A intenção é incentivar a criação do conceito antes do pré-conceito”, finaliza o Eurivaldo. Sobre Eurivaldo Bezerra: Voltado para a fotografia de transformação social, Eurivaldo Bezerra é criador da editora EB Studio Brasil, estimulando projetos que unem livro, exposição e debate. Seu primeiro livro, “Filhos”, que fala sobre adoção, obteve a apresentação de um Projeto de Lei Federal em apenas dois dias após seu lançamento. Outros trabalhos incluem “Esperança”, um livro sobre idosos institucionalizados, “Crack e Ayahuasca”, “Autismo” e, atualmente, “Reflexos”, que fica em cartaz na Cidade das Artes, de 17 de outubro a 10 de dezembro. Existem muitas idéias boas e pessoas fazendo belíssimos trabalhos sociais, mas que não conseguem mostrar isto para o mundo. Com isto, dependem totalmente de doações e não conseguem uma auto-sustentabilidade. A fotografia entra como propulsor destas histórias, criando acervo, exposições, eventos, livros e inspirando mais pessoas a enxergar o próximo. É no trabalho Fineart que viabilizo os trabalhos sociais. Ter um de meus trabalhos é permitir que continue tentando mudar o mundo. MOSTRAR o belo, mesmo que o assunto seja difícil; INSPIRAR as pessoas para que pensem fora da caixa e TRANSFORMAR o mundo que vivemos em algo melhor. Apoio e Coordenação Social: Instituto Novo Humano: A exposição Reflexos surge como disparador da reflexão sobre o tema: preconceito. Como combatê-lo? Como lidar com isso de forma transformadora? Nossa proposta será de dinamizar com os adolescentes atividades que despertem a Empatia, pois acreditamos ser o melhor antidoto contra o preconceito. O desenvolvimento de atividades com foco na temática: # quero te conhecer melhor tem a intenção de promover a empatia e gerar manifestações artísticas que serão apresentadas em uma futura exposição, inspirando um novo olhar. [+] saiba mais O Pequeno Príncipe no Planeta da Música | Espetáculo 15/12 a 16/12 Música Espetáculo infantil livremente adaptado na famosa obra de Antoine de Saint-Exupéry.   O Pequeno Príncipe, durante sua jornada, cai em um planeta muito interessante, o Planeta da Música. Lá ele encontra alguns seres nativos como o violino, a viola, o violoncelo e também a Rainha Doroteia, uma majestosa cantora que o apresenta a esse mundo mágico e encantador, porém, há anos não visitado. Entretanto, a chegada do Pequeno Príncipe ao Planeta da Música traz a alegria de volta à Rainha, mudando a vida de todos os habitantes e do Pequeno Príncipe para sempre.       Ficha Técnica   Arranjos e Direção Musical: Evandro Rodriguese Assistente de Direção Musical: Guilherme Cendretti Adaptação e Direção Cênica: Manuel Thomas Iluminação: Júlia Requião   Soprano: Loren Vandal Ator: Leonardo Nogueira   Sapucaia Ensemble: Sergio Neto, violino I Helena Camarto, violino II João Victor, viola Liana Meireles/Isaac Xavier, violoncelo     Produção: Kether Arts Fotos: Léo Nogueira [+] saiba mais Especial de Natal 22/12 Festival Em dezembro, para celebrar o Natal com a criançada, reservamos um dia muito especial na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. Dia 22 de dezembro teremos a chegada do Papai Noel na Cidade das Artes. Será um dia de muita diversão e emoção. Em nossa área de entretenimento contaremos com personagens temáticos no palco, como Mickey e Minie, oficinas de pintura, bola e artesanato seguindo o tema Natal, e nos intervalos animação e DJ. Além disso, na esplanada haverá cinema voltado ao público infantil com exibições do filme do “Meu amigãozão”, sessões a cada 30 (trinta) minutos. E também interação e um meet and greet com os personagens do filme. O evento conta com uma área de brinquedos, barracas de artesanato e um espaço gastronômico preparado para os mais diversos gostos. Com entretenimento para todas as idades contamos também com uma área baby. O “Especial de Natal – Chegada do Papai Noel” começará às 10h e com o término previsto para as 19h. A entrada é franca, o ambiente familiar e o acesso do animal de estimação liberado. A grande chegada do Papai Noel está prevista para as 17h.   Haverá distribuição de senhas para a foto com o Papai Noel.  A pessoa deverá procurar o balcão ao lado do caixa do evento e retirar a senha a partir das 12h e só será possível a retirada de 3 senhas por pessoa. *Vale pontuar que a senha serve apenas para organizar a fila, não haverá limitação de senhas, pois queremos que todas as crianças sejam atendidas.*     [+] saiba mais Bem Sertanejo - O Musical (Estreia em Janeiro de 2019) 04/01 a 20/01 Musical MICHEL TELÓ ESTÁ DE VOLTA COM A TERCEIRA TEMPORADA DE “BEM SERTANEJO – O MUSICAL” Superprodução é apresentada pelo Circuito Cultural Bradesco Seguros, com patrocínio master da PagSeguro. O espetáculo “Bem Sertanejo – O Musical” foi sucesso de público por onde passou durante as duas primeiras temporadas, com mais de 60 apresentações esgotadas. Agora Michel Teló está de volta com o projeto que será novamente apresentado em São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba, além de passar por Florianópolis e Maringá. Apresentada pelo Circuito Cultural Bradesco Seguros, a montagem conta a história da música sertaneja, desde a sua origem caipira, no século 17, até os dias mais recentes e traz no repertório cerca de 56 sucessos de nomes consagrados, como Tonico e Tinoco, Sérgio Reis, Almir Sater, Renato Teixeira, Chitãozinho e Xororó, Leandro e Leonardo, Zezé Di Camargo e Luciano, Gustavo Lima, Henrique e Juliano, Jorge e Mateus, entre outros. O musical é uma verdadeira viagem por todas as fases da música sertaneja e pela história do Brasil, mostrando as mudanças que o gênero sofreu, acompanhando a saída do homem do campo para a cidade grande. A estrutura do musical é gigante. São três carretas só para transportar cenário e equipamentos, 100 pessoas trabalhando diretamente e mais de 1000 indiretamente durante toda a turnê. Para o elenco, o musical terá algumas mudanças. Claudio Lins e José Mauro Brant entram no lugar de Cris Gualda e Luiz Nicolau, respectivamente. Lilian Menezes, Alan Rocha, Daniel Carneiro, Gabriel Manita, Jonas Hammar, Pedro Lima, Rodrigo Lima e Sergio Dalcin seguem no projeto. “Bem Sertanejo - O Musical” traz na assinatura do texto e da direção o nome de Gustavo Gasparani e de profissionais consagrados no ramo, como Gringo Cardia (cenografia), Maneco Quinderé (iluminação), Marcelo Olinto (figurinos), Renato Vieira (coreografias), Marcelo Neves (direção musical), Mauricio Detoni (arranjos e preparação vocal) e André Piunti (pesquisador musical). O projeto é apresentado pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, e pelo Circuito Cultural Bradesco Seguros e com patrocínio master da PagSeguro.   Sucesso na TV, nos palcos e no teatro O projeto Bem Sertanejo era um sonho antigo de Michel Teló de contar um pouco da história da música sertaneja. A primeira etapa foi o quadro no programa “Fantástico”, exibido pela TV Globo, em quatro temporadas. Um livro com histórias de bastidores e um DVD com cenas que não foram para o ar também foram lançados. O sucesso do quadro foi para os palcos e Teló criou o “Bem Sertanejo – O Show”, que foi gravado em DVD, e se transformou em uma turnê por todo o Brasil. E o sonho de Michel Teló também virou um musical. O cantor fez sua estreia como ator, em abril de 2017, com o “Bem Sertanejo – O Musical”, depois de muitos dias e horas de ensaio. O resultado você pode conferir nessa turnê. “O espetáculo é um projeto totalmente diferenciado, um musical teatral caipira que por onde tem passado, emociona. Ele traz uma memória afetiva do público que não imaginei o quanto era forte”, conta Michel Teló. “Ver a emoção e alegria das pessoas vale toda a dedicação e amor que colocamos nesse projeto. Estou animado demais em voltar nessa terceira temporada. É um dos projetos que tive mais prazer e honra em participar na minha vida. Quem gosta de música sertaneja e caipira tem que assistir”, completa.     Resumo do roteiro “Bem Sertanejo – O Musical” conta a trajetória e a formação da música caipira e da cultura interiorana do nosso país de forma poética e não cronológica. A peça propõe uma viagem pelos nossos interiores – memórias, infância, descobertas – resgatando, assim, o sertão que há em cada um de nós, e ao mesmo tempo, um contato direto com as nossas raízes culturais.   Ficha Técnica ELENCO: Michel Teló Lilian Menezes Alan Rocha Claudio Lins Daniel Carneiro Gabriel Manita Jonas Hammar José Mauro Brant Pedro Lima Rodrigo Lima Sergio Dalcin   EQUIPE CRIATIVA Texto e direção – Gustavo Gasparani Direção Musical – Marcelo Alonso Neves Arranjos e Preparação vocal – Mauricio Detoni Coreografia – Renato Vieira Cenografia – Gringo Cardia Figurino – Marcelo Olinto   REDES SOCIAIS Facebook: https://www.facebook.com/Bem-Sertanejo-O-Musical Instagram: @bemsertanejoomusical Twitter: https://twitter.com/BemSertanejoMus Site: www.bemsertanejoomusical.com.br   APRESENTAÇÃO Bradesco Seguros   PATROCÍNIO MASTER PagSeguro   Circuito Cultural Bradesco Seguros Manter uma política de incentivo à cultura faz parte do compromisso do Grupo Bradesco Seguros com a conquista da longevidade com qualidade de vida, considerando a cultura como ativo para o desenvolvimento dos capitais do conhecimento e do convívio social. Nesse sentido, o Circuito Cultural Bradesco Seguros se orgulha de ter patrocinado e apoiado, nos últimos anos, em diversas regiões do Brasil, projetos nas áreas de música, dança, artes plásticas, teatro, literatura e exposições, além de outras manifestações artísticas. Dentre as atrações realizadas recentemente, destacam-se os musicais “Bibi – uma vida em musical”, “Bem Sertanejo”, “Les Misérables”, “60 – Década de Arromba”, “Cinderella”,“Chacrinha, O Musical”, “Elis - A Musical”, “A Família Addams”, “O Rei Leão” e “Wicked”, além da “Série Dell'Arte Concertos Internacionais”, “Ballet Zorba, O Grego” e a exposição inaugural da Japan House, “Bambu – histórias de um Japão”. Para conhecer o calendário 2019 do Circuito Cultural Bradesco Seguros, acesse www.bradescoseguros.com.br, clique na opção “Circuito Cultural”. [+] saiba mais Colônia de Férias - Arteira 07/01 a 01/02 Projetos CDA   A Colônia de Férias "As Arteiras" acontecerá no período de 7/1/2019 a 1/2/2019, de 8:00 as 18:00 na Cidade das Artes e atenderá o público de 3 a 12 anos. Atividades diversificadas, artísticas e culturais estarão sob a responsabilidade de profissionais qualificados, graduados e experientes e sob a coordenação e direção de Binha Lima Cardoso e Marcia Campanario, curadoras da Colônia.   As turmas de alunos serão organizadas por faixa etária: Turma A – 3-4 anos / Turma B – 5-6 anos / Turma C – 7-9 anos / Turma D – 10 -12 anos   VALORES: Periodo: 01 semana  |  Integral - R$547,00  |  Parcial - R$367,00 02 semanas  |  Integral - R$984,00  |  Parcial - R$639,00 03 semanas  |  Integral - R$1.365,00  |  Parcial - R$890,00 04 semanas  |  Integral - R$1.849,00  |  Parcial - R$1.247,00 DAYUSE  |  Integral - R$123,00  |  Parcial - R$83,00 *8% de desconto para pagamentos até dia 22/12. *Lanches e almoço incluídos.     A equipe que desenvolverá as atividades consta de seguinte formação: 01 professor permanente por turma 01 Recreador permanente (Turmas A e B) 07 profissionais especializados nas áreas artísticas, sendo cada profissional com atividades 02 vezes nas semana em média. Apoio: 01 Volantes / 02 auxilares / 01 Servente   Enfermagem Total de 24 funcionários As inscrições poderão ser feitas através dos email: coloniadeferias.arteira@gmail.com ou na sede da escola Artemúsica – Av. das Américas, 2300 Bl A Sl 203 – Ed Blue Sky – Barra da Tijuca.   Curadoria   Binha Lima Cardoso Graduação em Pedagogia, Pós graduada em Psicopedagogiaa e Docência;  MBA em Gestão Educacional binhalimacardoso@hotmail.com Tel: 21-98175-6046   Márcia Campanário Fundadora e diretora da Escola Artemúsica 1985 ...;  Bacharelado em Piano pelo CBM, Graduada em Licenciatura em Música UNIRIO , graduada em Musicoterapia pelo CBM,  Pós Graduada em Educação Musical Infantil pelo  CBM. * CBM Conservatório Brasileiro de Música. marcia@artemusica.com.br Tel: 21-99951-9520  e 3325-8155 [+] saiba mais Maquete de LEGO® do Rio de Janeiro I Exposição Permanente 01/03 a 31/12 Artes Visuais LEGO® doa ao Rio de Janeiro a maquete feita com 947 mil peças A maquete do Rio de Janeiro feita totalmente em LEGO foi construída para homenagear de forma criativa e inusitada a cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016 e ficará exposta permanentemente na Fundação Cidade das Artes como legado cultural.   A construção destaca os 25 importantes ícones da cidade como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, os Arcos da Lapa, o Maracanã, entre outros   SOBRE A MAQUETE Com quase 1 metro de altura, cerca de 30 m², mais de uma tonelada e meia e com 947 mil peças, a LEGO® montou a sua maior construção já realizada para a América Latina, reproduzindo em blocos 25 ícones do Rio de Janeiro, escolhidos em conjunto com a Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Empresa Olímpica Municipal (EOM) em 2016.   Foi a primeira vez que uma construção desse tipo demandou esforços de três equipes de diferentes fábricas da LEGO de forma simultânea, localizadas nos Estados Unidos, Dinamarca e República Tcheca. Foram necessárias mais de 50 pessoas no projeto, comandado pelos Master Builders, designers especializados na criação de esculturas com os blocos da marca.   Durante os Jogos de 2016, a maquete recebeu mais de 85 mil pessoas de diversas nacionalidades e idades, com uma grande presença de famílias inteiras, que a visitaram no Boulevard Olímpico, local onde ficou exposta.   Os 25 ícones representados na maquete de LEGO da cidade do Rio de Janeiro: 1. Cristo Redentor 2. Pão de Açúcar 3. Copacabana Palace 4. Calçadão de Copacabana 5. Arpoador 6. Calçadão de Ipanema 7. Lagoa Rodrigo de Freitas 8. Jardim Botânico 9. Floresta da Tijuca 10. Morro Dois Irmãos 11. Pedra da Gávea 12. Parque Olímpico do Rio 13. Parque Radical 14. Parque Madureira 15. Estádio Olímpico Nilton Santos (conhecido popularmente por Engenhão) 16. Igreja da Penha 17. Avenida Brasil / BRT 18. Estádio do Maracanã 19.  Sambódromo da Marquês de Sapucaí 20. Praça Mauá 21. Arcos da Lapa 22. VLT 23. Aterro do Flamengo 24. Comunidade Dona Marta 25. Catedral Metropolitana   Sobre o Grupo LEGO® O Grupo LEGO® é uma empresa privada com sede em Billund, na Dinamarca, e tem atuação em mais de 140 países. Fundada em 1932, a empresa é de propriedade da família Kirk Kristiansen e, baseada nos blocos da marca, é uma das principais fabricantes mundiais em brinquedos de montar.   AGENDAMENTO ESCOLAR: Favor entrar em contato pelo e-mail saladeleitura.fca@gmail ou pelo telefone 3325-0448 ENTRADA GRATUITA   [+] saiba mais