Fundação Cidade das Artes

Programação » David Chew | 50 anos na música e 65 anos de vida

Evento Encerrado

David Chew | 50 anos na música e 65 anos de vida



David Chew celebra seus 50 anos de carreira e 65 anos de vida, dia 02/05, quarta-feira, na Cidade das Artes

Lançando seu DVD CHEWFACES e em produção final do Rio Cello Encounter 2018, violoncelista faz concerto de comemoração recebendo no palco grandes amigos, como Linda Bustani e o quarteto LINDARTE, Gilson Peranzetta, Felipe Prazeres, Fernanda Canaud , Blas Rivera e membros do quarteto da UFF, Cecilia Gonzales Andre Carvalho, dentre outros.

Recentemente condecorado pela Rainha da Inglaterra por seu importante trabalho que vem desenvolvendo na área da música, David Chew chega aos seus 50 anos de carreira com fôlego de sobra para dar conta de tantos projetos. Para comemorar a efeméride, o violoncelista inglês, radicado no Brasil há 38 anos, fará um concerto especial celebrando, inclusive, seus 65 anos de vida.

O concerto será no dia 02 de maio, quarta-feira (data do seu aniversário), às 20h, na Cidade das Artes. No programa, obras de  J.S Bach, C.Saint Saens, H,Villa-Lobos e  R.Schumann, além de composições de Gilson Peranzetta e Blas Rivera, que, inclusive, se apresentarão ao lado do violoncelista. Outros grandes amigos não deixarão a data passar em branco e participarão desta grande festa: Linda Bustani, Gilson Perenzzetta, Blas Rivera, Fernanda Canaud, Felipe Prazeres, Michel Bessler, Bernardo Fantini, Tomaz Soares, Ubiritan Rodrigues e bailarinos de tango Cecilia Gonzales e Andre Carvalho. No dia, será lançado o DVD CHEWFACES, com música clássica e popular, cuja venda será revertida para arrecadar fundos para o Rio Cello Encounter 2018.

A edição deste ano do maior festival de violoncelos do país está, até o momento, sem patrocinador, entretanto o violoncelista lança mão de diferentes recursos para poder manter acesa sua grande paixão. Para David Chew, “em tempos de crise e, com a falsa promessa de fornecer serviços tão essenciais como saúde e educação, diversas fontes têm aberto mão de investir em cultura. Com a certeza de considerarmos a Arte algo tão vital para nossa sociedade, toda a família Rio Cello soma esforços para levar esperança e Luz ao nosso povo através da Arte, com mínimos recursos financeiros”. Para o violoncelista, esta ação é “essencial para que vençamos o desânimo e consigamos recuperar o entusiasmo para seguir adiante. Como diria o filósofo Nietzsche, sem a música, a vida seria um erro, uma tarefa cansativa, um exílio”.

Idealizado e capitaneado pelo músico desde a sua primeira edição, em 1994, o Rio Cello Encounter traz em sua programação, além de concertos, espetáculos de dança, exposições de arte, masterclasses e workshops. Tudo inteiramente gratuito. O sonho de Chew apaixonado pelo Brasil, é popularizar a música clássica, além é claro, de homenagear o maestro Villa-Lobos, sua maior inspiração. “Nossa intenção é levar o poder de transformação social da música a espaços públicos e comunidades. No início, era um encontro de violoncelistas, mas o projeto cresceu e hoje recebe diversos instrumentos e múltiplas linguagens artísticas. Desta forma o festival alcança seu principal objetivo que é incluir a música na vida diária de todas as pessoas”, declara o músico.

Teatros, centros culturais, igrejas, museus e parques são os palcos preferencias do Rio Cello. Em 24 anos o festival bateu todos os recordes de público em eventos de música clássica no Brasil. Os números são impressionantes: 550 mil espectadores, 12 mil músicos, 900 concertos, 650 horas de workshops e masterclasses. Ao longo de sua extensa trajetória, o Rio Cello consolidou-se como uma grande plataforma multicultural no qual música, dança, poesia, artes plásticas e cinema que integram um evento de grande sofisticação artística e responsabilidade social.


Sobre o DAVID CHEW 

Começa a tocar profissionalmente aos 15 anos na Orquestra Filarmônica de Hull. Em seguida com os Mozart Players e a Orquestra da BBC, ambos em Londres. Fez seus estudos no Guildhall School of Music de Londres com William e Tony Pleeth e ainda pós-graduação na Universidade de Hull, e fez seu PhD no Kingston University de Londres, onde se especializou em música brasileira. Foi convidado a ser professor da Universidade de Colorado e Doutor Honoris causa na Universidade de Hull.

Inspirado em Villa Lobos, sua maior especialidade, fundou e dirige até hoje, o Rio International Cello Encounter (Rio Cello), que há 24 anos reúne no Rio os maiores nomes do cello e da música, sempre oferecendo a todos gratuitamente, concertos, masterclasses. (www.riocello.com)

Solista / primeiro cellista / Spalla há mais de 35 anos da OSB (desde 1981), é também integrante e do Quarteto da UFF (1LP). Fundou a Orquestra de Câmara Brasil Consort (1LP) e o Rio Cello Ensemble (6 CDs), e Rio Strings (5CDs), o Duo Folia (2CDs), Trio Carioca, Duo com Fernanda Canaud (1CD) Quarteto com Gilson Peranzzetta, Mauro Senise e Paulo Russo (3CDs), Trio com Antonio Meneses e Rosana Lanzelotte (1DVD) e mais recentemente o DVD CHEW FACES, com Blas Rivera, Cristina Braga, Felipe Prazeres, Otto Hanriot e Michele Barsand.

Recebeu os títulos de Honra de Cidadão de Estado de Rio de Janeiro e Herdeiro do Zumbi em 2003. Premiado na Alemanha, França e Inglaterra pela sua interpretação das Bachianas Brasileiras no Hyperion em 1986. Em 2005 foi indicado ao Grammy Latino. Recebi o título de Ordem da Império Britânico da HRH Rainha Elizabeth 11.

Juntamente com sua ONG (O-Music), David Chew vem trabalhando e contribuindo com outras importantes ONGs, como a "Grota de Surucucu", Solar Meninos de Luz (Pavão Pavãozinho), e os Projetos Música nas Escolas em Volta Redonda e Barra Mansa.


 

David Chew comemora 50 ANOS de carreira e 65 ANOS de vida

*Concerto para arrecadar fundos para o Rio Cello 2018 (www.riocello.com)

Programa:

Dia 02/05 (quarta-feira)

Fernanda Canaud, piano Felipe Prazeres, violino

David Chew, violoncelo

Camille Saint-Saëns

Carnaval dos Animais

​ - 

O Cisne


Edward Elgar

Salut d'Amour, Op.12


Heitor Villa-Lobos

Bachianas Brasileiras, No. 5

​ - 

Ária

Bachianas Brasileiras, No.2 

​- 

Trenzinho do Caipira


 

​________________________​


 

Lindarte Piano Quartet

Linda Bustani, piano 

Michael Bessler, violino

Bernardo Fantini, viola

David Chew, violoncelo


 

Robert Schumann

Quarteto para Piano em Mi Bemol Maior, Op.47

-Sostenuto assai - Allegro ma non troppo

-Scherzo: Molto vivace - Trio I - Trio II

-Andante cantabile

-Finale: Vivace

                     

[INTERVALO]


 

Gilson Perranzetta, Piano

David Chew, violoncelo


 

Gilson Peranzzetta

Teresa

Quermesse

Canção da Lua

Paisagem Brasileira


 

​________________________​


 

Blas Rivera, piano e saxofone

Tomaz Soeres e  Bira Rodrigues, violinos

Bernardo Fantini, viola

David Chew, violoncelo

Cecilia Gonzalez e André Carvalho, bailarinos ​



 

Blas Rivera

Ranquel

Canción para conquistar a la bailarina

Nocturno

Milonga sudaca

 

PROGRAMAÇÃO GRATUITA. SUJEITA À LOTAÇÃO.

Música

Informações Gerais

Datas

02/05

Horários

Quarta - 20h 

Duração

90 Minutos em média

Local

Cidade das Artes

Sala

Teatro de Câmara

Classificação Etária

Livre

Demais Eventos da Programação

Acompanhe nossa Programação On-line 17/04 a 28/12 Projetos CDA Você #ficaemcasa e a gente te entrega ao vivo: CULTURA, EMPREENDENDORISMO, CONHECIMENTO, ARTE, GASTRONOMIA, MÚSICA E MUITO MAIS.   Acompanhe a programação online que preparamos para você em nossas redes sociais: Facebook: cidadedasartes Instagram: cidadedasartes_ Twitter: fundcda Youtube: CidadedasArtes   Você é nosso convidado! Vem com a gente! [+] saiba mais Drive-in das Artes | Vendas Abertas 18/06 a 30/11 Outros Cine Drive-in das Artes é a mais nova opção de diversão para os cariocas A tela de mais de 200m² foi montada no estacionamento da Cidade das Artes e o local pode receber até 100 automóveis simultaneamente, com duas pessoas para sessões adultas e quatro, sendo duas crianças, para os filmes infantis. Todas as regras de segurança e higiene por causa da pandemia da Covid-19 serão seguidas e as vendas só acontecerão online. "A Palonvitas se uniu à Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Cidade das Artes para oferecer ao carioca mais uma opção de lazer em meio a esse momento delicado que vivemos. Queremos trazer de volta o prazer das pessoas verem um filme sem ser em casa. E tudo com a máxima segurança", explicou Felipe Palermo, um dos idealizadores do projeto e sócio da Palonvitas.  Para a prevenção de riscos à saúde de visitantes e funcionários, a novidade que se tornou símbolo da retomada das atividades culturais da pasta conta com um planejamento elaborado a partir de normas higiênico-sanitárias, como as Regras de Ouro e o protocolo específico para eventos criados pela Subsecretaria de Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses. "Desde o início das restrições nós refletimos com outros órgãos da Prefeitura, setor cultural e a sociedade civil, as formas de oferecer entretenimento e arte à população. Durante esse tempo, a secretaria realizou atividades online com um empenho incrível de nossas equipes. Só nas nossas redes, cerca de 370 mil pessoas curtiram projetos de sucesso como o Vira Rio Cultural no Dia do Trabalhador, ou o Cinema nas Janelas da RioFilme. A Cultura nunca parou, mas agora o Drive-In simboliza a retomada com todo o charme do cinema dos anos 70, em um momento que discutimos protocolos sanitários para a reabertura dos equipamentos com segurança", explicou o secretário municipal de Cultura, Adolfo Konder. A venda exclusiva de ingresso online é uma das medidas de prevenção e combate ao novo coronavírus. Na entrada do drive-in, um funcionário usando equipamentos de proteção individual (EPIs) vai orientar o público sobre a localização da vaga comprada pela internet. Os lanches serão entregues através da janela do carro e somente com a utilização das máscaras. E para ir ao banheiro, o visitante será transportado em um carrinho de golfe. Não haverá filas e os sanitários serão higienizados a cada uso. "Assim que saiu o decreto em março, nós pensamos que o Drive-In seria uma alternativa realmente viável porque o contato pessoal é zero, você não sai do carro. Começamos a buscar parcerias e hoje temos muita alegria de realizar esse projeto para a cidade do Rio de Janeiro. Idealizamos todos os detalhes para trazer o charme do drive-in dos anos 70, e agora a ideia é expandir e pensar em novas atrações ao ar livre, considerando o excelente espaço que temos", resume a presidente da Cidade das Artes, Renata Monteiro. [+] saiba mais Festival de Música On-line da Cidade das Artes 20/07 a 27/09 Festival FESTIVAL DE MÚSICA ON-LINE DA CIDADE DAS ARTES   O Festival de Música On-Line é um concurso cultural organizado pela Cidade das Artes em parceria com a Associação Cultural Maré do Amanhã, e tem como intuito dar visibilidade ao artista por meio do incentivo à música autoral. O projeto visa estimular a produção musical, bem como revelar talentos e valorizar os profissionais que estão entre as classes mais atingidas economicamente nesse momento de isolamento social. Durante os últimos meses, artistas de diferentes vertentes vêm buscando nas redes uma forma de se reinventar, procurando novos mecanismos para levar a sua arte. Dentro desse cenário, convidamos você, músico, a participar conosco.    OBJETIVO: Trata-se de concurso para a seleção das melhores propostas de música autoral a serem apresentadas em conformidade com o estabelecido no regulamento. O festival será de âmbito local e ocorrerá em etapa única.    INSCRIÇÕES: As inscrições são gratuitas e serão realizadas entre os dias 20 de julho e 06 de setembro de 2020. Pode participar do processo qualquer pessoa de nacionalidade brasileira, residente na cidade do Rio de Janeiro, com idade acima de 18 anos.  Serão aceitas somente inscrições de músicas autorais, ou seja, que não tenham sido oficialmente lançadas e publicadas comercialmente sob o formato físico ou digital de âmbito nacional, com letras em português e temática livre.  Para participar, é necessário preencher a ficha de inscrição e enviar um vídeo apresentando a música escolhida. Não existem restrições a gêneros musicais.   RESULTADO E APRESENTAÇÕES: O resultado do julgamento será divulgado no dia 14 de setembro, conforme cronograma:  De 20 de julho a 06 de setembro – Inscrições; Dia 14 de setembro – Publicação dos 20 candidatos selecionados; Dia 18 de setembro – Início do Festival – 1a eliminatória; Dia 19 de setembro – 2a eliminatória; Dia 22 de setembro – 3a eliminatória; Dia 25 de setembro – Semifinal; Dia 27 de setembro– Final e premiação.   PREMIAÇÃO: Os três primeiros colocados receberão troféus, além da premiação em dinheiro. Ao vencedor caberá, ainda, uma pauta para fazer um show em um dos teatros da Cidade das Artes. A premiação se dará da seguinte forma: - 1º classificado: R$ 10 mil - 2º classificado: R$ 5 mil  - 3º classificado: R$ 3 mil     *Antes de fazer sua inscrição leia o regulamento clicando AQUI. *Agora que já leu o regulamento, é só se inscrever AQUI.     Te desejamos sorte e esperamos você! [+] saiba mais PROJETO @CESSO 2020 05/08 a 28/10 Projetos CDA Em parceria com a Cidade das Artes, o maior festival internacional de webséries do mundo - Rio WebFest, apresenta a chamada para terceira turma do projeto @cesso, um curso de qualificação com o objetivo de instrumentalizar pessoas com noções inicias de produção em eventos culturais através dos princípios do empreendedorismo digital.  Todos os alunos receberão passaportes para os eventos do festival que acontece aqui na Cidade das Artes em novembro. Os alunos receberão certificado de participação que será entregue na Abertura Oficial do evento, além de haver uma seleção de jovens talentos para integrar a equipe do Rio WebFest 2020. Esses jovens terão a oportunidade de experimentar as mais diversas funções e receberão ajuda de custo e alimentação.  O Projeto atenderá prioritariamente jovens provenientes das comunidades carentes da Zona Oeste do município do Rio de Janeiro. É importante informar se houver casos de alunos com necessidades especiais para avaliarmos e nos prepararmos para uma possível adaptação das aulas.   O fundador do Rio Webfest, Sp WebFest e Brasil Web Awards, Daniel Archangelo, estará à frente do @cesso. Daniel também é proprietário da Dendrobates Cultura, é Diretor em Artes Cênicas formado pela UFRJ e ator formado pela Escola de Teatro Martins Pena, sócio da Charlote Produções Culturais e da Tentáculos Espetáculos. Equipe Auxiliar à definir - Assistência de conteúdo à definir - Assistência de produção PALESTRANTES Leandro Silva - Conteúdo Digital Douglas Costa - Plataformas de Gerenciamento à definir - Ações em equipe Deuza Souza - Formação de Equipe   CONTEÚDO  Aula 1 - Realização  Aula 2 - Formação de uma equipe Aula 3 - Comunicação Aula 4 - Princípios da produção Aula 5 - Home Office: pós quarentena Aula 6 - Frentes Técnicas Aula 7 - Planilhas Aula 8 - Produtos e linguagens culturais  Aula 9 - Rodada de Negócios Aula 10 - Inovação     *INSCRIÇÕES ENCERRADAS*     [+] saiba mais