Fundação Cidade das Artes

Notícias » Fashion Revolution Week chega à Barra a fim de pensar o consumo desenfreado

Abril de 2018

dia 24, Terça

Fashion Revolution Week chega à Barra a fim de pensar o consumo desenfreado

Patrícia (à esquerda) e Manoela vão discutir sobre moda e sustentabilidade - Leo Martins / Leo Martins

Publicado no Jornal de Bairros do O Globo por Júlia Amin
24/04/2018 4:30 / Atualizado 24/04/2018 10:24

 

RIO — No dia 24 de abril de 2013, acontecia uma das maiores tragédias da indústria têxtil. O desabamento do edifício Rana Plaza, em Bangladesh, onde estavam concentradas fábricas de vestuário que produziam em larga escala para grandes marcas, deixou 1.133 mortos, 2.500 feridos — a maioria jovens mulheres — e várias reflexões no mundo da moda. Quem faz as nossas roupas? A quais condições esses trabalhadores estão submetidos? Quanto eles ganham? Essas e outras perguntas foram formuladas por ativistas e membros da indústria da moda após o desastre. No ano seguinte, nesta mesma data, surgia o Fashion Revolution.


A campanha nasceu na Inglaterra com o objetivo conscientizar os consumidores sobre o impacto da moda durante todo o seu processo de produção, que envolve aproximadamente 75 milhões de pessoas — grande parte delas vivendo em condições de extrema pobreza. No Brasil, o evento é realizado há três anos, e, pela primeira vez, haverá programação na Barra, além da Zona Sul. A plataforma COMM, site sobre estilo de vida sustentável, criou para a Fashion Revolution Week uma série de atividades sobre moda e sustentabilidade que serão oferecidas gratuitamente na próxima sexta-feira, na Cidade das Artes.


— É um movimento que abrange o consumidor. Teremos vivências reflexivas e vamos trabalhar a consciência do consumo. O que cada consumidor pode fazer? 2018 é tempo de desacelerar, de consumir menos, até encontrarmos um meio-termo — conta a jornalista Manoela Castro, à frente da COMM.


A programação tem início às 14h, com uma palestra da psicóloga Mariana Innuzzi, que vai falar da roupa para a expressão da identidade visual. Às 16h, haverá uma oficina sobre tingimento natural com cúrcuma, com Fabiola Trinca, do Studio Trinca, em que os participantes, depois de conhecerem um pouco mais sobre a raiz, poderão tingir uma bandeira com a técnica aprendida. Às 18h, Manoela convidará para um papo sobre moda e sustentabilidade. Do painel participarão, além de Mariana e Fabiola, a jornalista Fernanda Cubianco; a engenheira têxtil e consultora de moda Manuella Antunes; Júlia Bedolo, cofundadora do site Mais Alma; e Patrícia Sant’Ana, designer e coordenadora do Fashion Revolution no Rio.


— A ideia é que o Fashion Revolution se espalhe. Eu me envolvi no projeto porque não via mais sentido na indústria da moda, na velocidade do consumo. Consegui entender o impacto global e social dessa indústria em todo o mundo. Estamos aqui para pensar sobre isso — resume Patrícia.


Qualquer pessoa interessada pode montar sua programação para a Fashion Revolution Week. A equipe do Rio vai avaliar se ela está de acordo com o propósito do projeto e, em caso afirmativo, a atividade será incluída no calendário da cidade.

 

Demais notícias

Maio de 2018

dia 15
Terça

Festival Portugal 360: Alteração do horário de funcionamento da Sala de Leitura

Informamos que a Sala de Leitura, na semana de 17 a 20 de maio, será o espaço de alguns Workshops que fazem parte do Festival Portugal 360. O acesso a mesma só será permitido aos inscritos nas atividades do Festival.

[+] leia mais

Maio de 2018

dia 13
Domingo

Cidade das Artes procura se livrar da fama de elefante branco

André Marini, gestor da Cidade das Artes, e Bel Kutner, diretora artística - Analice Paron / Agência O Globo Espaço tem agenda lotada de eventos; expectativa, agora, é aumentar receita própria Globo-Bairros por Lilian Fernandes 13/05/2018 4:30 / Atualizado 13/05/2018 22:48   RIO — Na noite do último sábado de abril, a Cidade das Artes estava lotada. Gente de diferentes áreas da cidade, com preferências culturais diversas e carteiras mais ou menos recheadas, dividia alegre e civilizadamente o espaço, onde aconteciam simultaneamente o Festival Cervejeiro Carioca, apresentações das peças “O rei da vela”, “O tratado da Senhora Clap” e “40 Kbças — Uma comédia improvisada” e um concerto da orquestra Sapucaia Ensemble com a soprano Loren Vandal.

[+] leia mais

Maio de 2018

dia 11
Sexta

Cidade das Artes recebe show gratuito da dupla Dinamarquesa Wenzell & Bugge

A Cidade das Artes recebe, dia 11, às 15h, a dupla de músicos dinamarqueses Wenzzel & Bugge, formada pelo violinista Kristian Bugge e pelo percussionista Ronni Kot Wenzell. O duo, que se conheceu no conservatório de música da Dinamarca, tem obtido reconhecimento internacional misturando o folk tradicional com percussão clássica.

[+] leia mais

Maio de 2018

dia 11
Sexta

Os meninos de Liverpool invadem a Cidade das Artes!

Por G1 Rio 10/05/2018 14h46  Atualizado há 20 horas   Orquestra Sinfônica Juvenil Carioca, formada por alunos das escolas públicas da Cidade do Rio de Janeiro, apresenta na Cidade das Artes o concerto 'Rio, Comes The Sun', uma homenagem aos Beatles. Com entrada gratuita, o espetáculo de abertura da temporada de 2018 vai reunir no palco 1.

[+] leia mais

Abril de 2018

dia 27
Sexta

Funcionamento da Bilheteria no dia 01 de maio

Informamos que no feriado do Dia do Trabalho, dia 01/05, a Cidade das Artes estará fechada. Tal medida inclui o não funcionamento de nossa bilheteria, todos os espaços, incluindo a Galeria onde acontece a exposição permanente da Maquete da Lego.

[+] leia mais

Abril de 2018

dia 16
Segunda

Crítica: Cena pulsa com a mesma força viva de sua origem

Zé Celso em cena em 'O Rei da Vela', na Cidade das Artes - Foto: Fátima Sá É desafiante para a atual audiência, dispersiva e impaciente, penetrar no texto longo. Jornal O GLOBO POR MACKSEN LUIZ 16/04/2018 4:30 RIO — Na estreia de “O Rei da Vela”, há 50 anos, no Teatro Oficina, o texto de Oswald de Andrade, escrito 34 anos antes, surpreendia e criava impacto político-estético no teatro de um tempo de repressão e censura.

[+] leia mais

Abril de 2018

dia 15
Domingo

'O Rei da Vela' volta ao Rio, 50 anos depois, em noite histórica

José Celso Martinez Corrêa em cena de 'O Rei da Vela', na Cidade das Artes: financiamento via crowdfunding - Foto: Divulgação Publicado no SEGUNDO CADERNO POR FÁTIMA SÁ 15/04/2018 19:07 / atualizado 16/04/2018 13:28 RIO — “A cultura teatral brasileira está no fundo de um precipício", desabafou Fernanda Montenegro, emocionada, ao fim da estreia carioca de “O Rei da Vela”, na noite de sábado. “Há muito tempo os nossos palcos não apresentam nada igual.

[+] leia mais

Março de 2018

dia 26
Segunda

Bel Kutner anuncia a vinda de ‘O Rei da Vela’ ao Rio, fala sobre o papel na novela e o autismo do filho

Publicado no Jornal O Globo I Blog da Marina Caruso POR FERNANDA PONTES 26/03/2018 07:45 Ela perdeu a mãe, a atriz Dina Sfat, aos 18 anos. Há 30, acompanha o pai, o ator Paulo José, na luta contra o Parkinson.

[+] leia mais

Março de 2018

dia 19
Segunda

Cidade das Artes modifica funcionamento durante o Rio Creative Conference

A Cidade das Artes vai receber, de 3 a 8 de abril, o Rio Creative Conference (Rio2C), maior encontro de criatividade e inovação da América do Sul. Por conta da grandiosidade de um evento importantíssimo para a cidade, levando-se em conta a complexidade de montagem e desmontagem de tamanha engrenagem, estaremos fechados a partir do dia 26/3 ao dia 10/4.

[+] leia mais

Março de 2018

dia 13
Terça

CRÍTICA: “Contos Negreiros” é espetáculo obrigatório

Por  Dâmaris Grün  - 5 de Março de 2018 - site https://aplausobrasil. com.

[+] leia mais