Fundação Cidade das Artes

Notícias » Commédia Dell' Arte

Junho de 2014

dia 25, Quarta

Commédia Dell' Arte

A Commédia Dell' Arte seguia o improviso.  A partir de um roteiro, o canovaccio, os atores interpretavam seus personagens e contavam uma história, com muitos elementos de comédia e acrobacias. Surgiu na Itália, no século XV e se desenvolveu na França e foi sempre muito popular até o século XVIII. Não se sabe ao certo qual foi a sua origem, mas ela era assimilada às Festas Atellanas, que aconteciam em Atella, também na Itália, para homenagear o deus Baco. Apesar das características parecidas, nunca se achou registros que confirmassem uma verdadeira ligação ou influência das Festas Atellanas sobre a Commédia Dell' Arte.

Cada ator tinha seu personagem fixo e era comum que os representassem durante toda a vida. As principais figuras das peças eram: Arlequin, Brighella, Colombina, Dottore, Pagliaccio e Pantalone. Ainda assim as peças não eram repetitivas pois em cada apresentação a peça se renovava, já que os atores usavam sua criatividade para improvisar, pois não havia texto. Os atores representavam de máscaras  que caracterizavam os personagens. Os locais de exibição também eram  improvisados nas ruas e praças públicas, em cima de carroças ou em palcos feitos na hora com o material que encontrassem disponível, com o tempo encontraram lugar nos palácios e castelos.

Como as peças da Commédia Dell’ Arte utilizavam sempre um mesmo número de atores, surgiram as companhias de teatro. A primeira companhia conhecida foi a I Gelosi (Os Ciumentos), fundada em 1545 por oito atores que obtiveram sucesso em sua carreira artística e conseguiam viver exclusivamente do teatro, surgiram os atores profissionais. São deste período os primeiros personagens caracterizados, criados por Angelo Beolco que foi um dos grandes escritores deste estilo, suas peças foram adaptadas e reutilizadas após muitos anos. Ele também foi um grande ator, fazia o papel de Ruzzatane, um camponês gordo, preguiçoso e grosseiro.


Carlos Goldoni, no século XVIII, tentou recuperar a Commédia Dell’ Arte que entrou em declínio e começou a ser considerada vulgar. Para isso introduziu nas peças elementos da vida real e textos escritos para cada um dos atores, isto impulsionou as grandes Companhias, que passaram a viajar pela Europa, levando seus espetáculos a vários países. Esta forma de teatro influenciou drasticamente a forma com que os personagens eram vistos e criados.

Demais notícias

Setembro de 2021

dia 14
Terça

Comprovante de vacinação será obrigatório a partir do dia 15/09/21 no Rio

O comprovante de vacina contra a Covid-19 será obrigatório a partir de 15 de setembro, no Rio, para a visitação e entrada em alguns estabelecimentos e locais de uso coletivo. Junto a ele é necessário apresentar documento de identidade com foto.

[+] leia mais

Setembro de 2021

dia 03
Sexta

Funcionamento da Cidade das Artes de 06/09 a 07/09

INFORMAMOS - O posto de vacinação ( COVID-19 ) na Cidade das Artes funcionará segunda (06/09) e terça (07/09), de acordo com a disponibilidade de doses da vacina. Pedimos que verifique nas redes sociais da Secretaria Municipal de Saúde.

[+] leia mais

Setembro de 2021

dia 03
Sexta

Olá, Influenciadores Digitais!

A Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro por meio da Riotur – Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro irão reconhecer o trabalho de valorização, promoção e divulgação da Cidade Maravilhosa que você realiza em suas redes sociais. Por isso, criamos o selo RIO DIGITAL INFLUENCER.

[+] leia mais

Maio de 2021

dia 23
Domingo

Cidade das Artes volta a receber público

Atividades na Sala de Leitura incluem exposição sobre mulheres na música, debates e lançamento de livros; musical 'Elza' e apresentação da Sinfônica Jovem estão previstos para junho Por Gisele Araújo - 23/05/2021 - 06:00 / Atualizado em 23/05/2021 - 09:40 O GLOBO Barra Rio — Na última terça-feira, a Sala de Leitura da Cidade das Artes abriu as portas ao público, marcando a volta das atividades presenciais no centro cultural. As mulheres são tema de boa parte da programação, iniciada com a exposição “Mulheres e música”, da artista plástica Lili Rose, com colagens em homenagem a personalidades guerreiras e transgressoras como Chiquinha Gonzaga, Carmen Miranda, Nara Leão e Clara Nunes.

[+] leia mais

Abril de 2021

dia 05
Segunda

Funcionamento da Cidade das Artes de 05/04 a 09/04

De acordo com as medidas de proteção à vida e ao sistema de saúde definidos pela Prefeitura do Rio:   INFORMAMOS - O posto de vacinação ( COVID-19 ) na Cidade das Artes funciona de segunda à sexta, das 8h às 17h no segundo andar, no foyer da Grande Sala. - O ponto de coleta de alimentos para a campanha "Rio contra a fome" funciona de segunda à sexta, das 8h às 17h no segundo andar, na Galeria ao lado da Sala de Leitura.

[+] leia mais

Março de 2021

dia 31
Quarta

Cidade das Artes terá Posto de Vacinação contra COVID-19

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) inaugura nesta quarta-feira, dia 31, mais um ponto de vacinação (PV) para facilitar o acesso da população, desta vez na Cidade das Artes. Na semana em que o calendário de vacinação para os idosos foi antecipado, com a inclusão de novas faixas etárias, a SMS já havia inaugurado três PVs extras, no Jockey Club Brasileiro (Gávea), no Hotel Fairmont Copacabana e no Museu da Justiça - Centro Cultural do Poder Judiciário (Centro).

[+] leia mais

Março de 2021

dia 26
Sexta

Funcionamento da Cidade das Artes de 26/03 a 04/04

De acordo com as medidas de proteção à vida e ao sistema de saúde definidos pela Prefeitura do Rio: INFORMAMOS - Exposição de Lego está FECHADA a partir do dia 26/03 com reabertura prevista para o dia 07/04 (quarta-feira). - A Sala de Leitura está fechada a partir do dia 26/03 com reabertura prevista para o dia 06/04 (terça-feira).

[+] leia mais

Março de 2021

dia 22
Segunda

"A melhor versão", filme da peça, estreia dia 27/3

Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, através da Lei Aldir Blanc apresentam A MELHOR VERSÃO Texto inédito de Julia Spadaccini escrito na pandemia aborda os segredos e a angústia que muitas pessoas passam na busca desmedida para serem aceitas “A melhor versão”, texto inédito de Julia Spadaccini, foi concebido para ser exibido de forma remota e conta com dois diretores, Luis Felipe Sá, com larga experiência no audiovisual, e Daniel Herz, consagrado diretor de teatro e fundador da Cia Atores de Laura - eles repetem a parceria iniciada no final do ano passado, quando dirigiram juntos o espetáculo ‘Fronteiras Invisíveis’ -. No elenco, Ana Paula Secco, Armando Babaioff e Michel Blois, idealizador do projeto, contemplado pelo edital Retomada Cultural RJ, da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, através da Lei Aldir Blanc.

[+] leia mais

Janeiro de 2021

dia 21
Quinta

Marcelo Serrado, o novo diretor artístico da Cidade das Artes: 'Será sinônimo de Rio'

O GLOBO, ANCELMO GOIS. 21 de janeiro de 2021 Marcelo Serrado, 53 anos, carioca, ator, autor e produtor é o novo diretor artístico da Cidade das Artes, indicado pela gestão de Eduardo Paes.

[+] leia mais

Dezembro de 2020

dia 22
Terça

Funcionamento da Cidade das Artes no Natal e Ano Novo - 2020/2021

INFORMAMOS - Exposição de Lego estará  FECHADA a partir do dia 23/12, reabrindo somente dia 06/01 (quarta-feira). - A Sala de Leitura estará fechada a partir do dia 24/12, reabrindo somente dia 04/01.

[+] leia mais